Aguarde...

Política

Vereador pede que Padre Haroldo Rahm seja canonizado

Pelas regras da Igreja Católica, o processo de santificação deve ser aberto pelo bispo local

| ACidadeON Campinas

Vereador era próximo de padre. Foto: Divulgação/Câmara de Campinas

O vereador Nelson Hossri (PODE) protocolou um ofício pedindo que o arcebispo de Campinas, D. João Inácio Müller, faça a abertura do processo de canonização de padre Haroldo Rahm. Para o parlamentar, o trabalho de prevenção às drogas através da criação de diversos instrumentos de tratamento contra a dependência química feito pelo jesuíta salvaram vidas.  

Pelas regras da Igreja Católica, o processo de santificação deve ser aberto pelo bispo local. Em Campinas, a Arquidiocese é responsável por conduzir as investigações sobre a vida, além de encontrar casos que testemunhem a favor da pessoa e possíveis milagres atribuídos a ele. Todas as informações devem ser enviadas ao Vaticano para análise.  

"Além de salvar a vida da minha família, Padre Haroldo é meu padrinho. Devo a ele todo o meu trabalho de prevenção às drogas", destacou Nelson.  

Padre Haroldo faleceu no último sábado, dia 30 de novembro, aos 100 anos. O missionário chegou ao Brasil em 1965, naturalizou-se brasileiro em 1986 e fundou diversas obras, como o Instituto Padre Haroldo, grupo Amor Exigente, Movimento de Liderança Cristã TLC, FEBRACT (Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas), Pastoral da Sobriedade, entre outros. O jesuíta ainda ministrou dezenas de cursos, recebeu diversos prêmios e possui mais de 50 livros publicados.  

A Câmara Campinas prestou várias homenagens ao padre Haroldo Rahm. Foram apresentadas diversas moções e requerimentos, discursos na tribuna e até um pedido de minuto de silêncio.  

MISSA DE 7º DIA
 
Data: 7 de dezembro
Horário: 11h
Local: Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora
Rua Baronesa Geraldo de Resende, 330 Guanabara Campinas.

Mais do ACidade ON