Aguarde...

Política

Campinas terá 14 candidatos a prefeito; saiba quem são eles

Agora, os partidos têm até o dia 26 deste mês para realizar o registro das candidaturas; Justiça Eleitoral ainda precisa dar aval

| ACidadeON Campinas

Eleição vai ocorrer em novembro (Foto: F.L. Piton/Arquivo A Cidade) 

Matéria atualizada no dia 21/09, às 18h30, com a inserção do nome do candidato do PCO  

Os partidos políticos de Campinas terminaram de definir, nesta quarta-feira (16), os 14 candidatos que concorrerão à Prefeitura nas eleições do dia 15 de novembro.

Hoje foi o último dia que o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) deu para que os partidos realizassem convenções internas para escolher os candidatos que vão disputar os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador nas eleições municipais.

O prazo está previsto na Lei das Eleições e deveria ter sido encerrado em agosto. No entanto, o período das convenções foi prorrogado por 42 dias devido ao adiamento das datas do calendário eleitoral em função das complicações da pandemia da covid-19.

Agora, os partidos têm até o dia 26 deste mês para realizar o registro das candidaturas. Depois disso, a Justiça eleitoral ainda avalia a liberação ou não dos nomes apresentados.

O Congresso adiou o primeiro turno das eleições deste ano de 4 de outubro para 15 de novembro. O segundo turno, que seria em 25 de outubro, foi marcado para 29 de novembro.

CONFIRA A LISTA DE CANDIDATOS EM ORDEM ALFABÉTICA  

Ahmed Tarique do PMN (Foto: Redes Sociais)
 
Ahmed Tarique (PMN)
Ahmed Tarique Tombouctou Agio é professor do Estado e é candidato pelo PMN (Partido da Mobilização Nacional). Junto com ele, foi definido como vice na chapa o nome de Aristides Ferreira.

O político tem 27 anos e atualmente ocupa o cargo de presidente do PMN na cidade. Ele é formado em ciências sociais e marketing, além de atuar como consultor político. 

Alessandra Ribeiro do PCdoB (Foto: Divulgação)
 
Alessandra Ribeiro (PCdoB)
Alessandra Ribeiro é historiadora e urbanista. Esta é a primeira vez, na história do PCdoB de Campinas, que o partido terá um nome para concorrer à Prefeitura.

Alessandra Ribeiro tem estudos voltados para matriz africana. É gestora cultural da Casa de Cultura Fazenda Roseira, mestre da Comunidade Jongo Dito Ribeiro em Campinas, Mãe de Santo Umbandista, Coordenadora da Pós Graduação em Matriz Africana - lato senso Facibra/Univida e consultora especializada em estudos sobre gestão cultural de espaços públicos compartilhados e patrimônio cultural imaterial. 

André von Zuben do Cidadania (Foto: Divulgação)
 
André von Zuben (Cidadania)
André von Zuben é vereador em seu segundo mandato na Câmara Municipal. Já foi secretário municipal de Habitação, presidente da Cohab Campinas e secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo.

É a primeira vez que von Zuben se lança como candidato a chefe do Executivo municipal. A vice na chapa é a jornalista Valéria Monteiro (Rede). 

Artur Orsi do PSD (Foto: Divulgação)
 
Artur Orsi (PSD)
O ex-vereador de Campinas Artur Orsi, filho do ex-prefeito Edvaldo Orsi, tentou o cargo de prefeito nas últimas eleições, quando ficou na segunda posição e foi derrotado no primeiro turno por Jonas Donizette. Ele teve 76.250 votos - um percentual de 15,43%.

Orsi fez oposição ao governo peessebista e deixou o PSDB, partido em que foi filiado por 28 anos, por divergências em relação ao acordo com os tucanos na atual gestão.  

Dário Saadi do Republicanos (Foto: Marília Rastelli/EPTV Campinas)
 
Dário Saadi (Republicanos)
O médico urologista tem 57 anos e é formado pela PUC-Campinas. Ele trabalhou no Hospital Municipal Mário Gatti, onde também ocupou o cargo de presidente. Foi eleito vereador por quatro mandatos e ocupou o posto de presidente da Câmara Municipal.

Junto com ele, como candidato a vice-prefeito, foi confirmado o ex-secretário de Relações Institucionais de Campinas, Wanderley Almeida, conhecido como "Wandão", braço-direito do prefeito Jonas Donizette. 

Delegada Teresinha do PTB (Foto: Luís Corvini/EPTV)
 
Delegada Teresinha (PTB)
Teresinha de Carvalho tem 64 anos e é formada em direito. Assumiu como delegada titular da cidade de Monte Mor em 1987, e foi titular da 1ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Campinas.

Ela foi vereadora em duas ocasiões - nas legislaturas de 2001 e 2008. Atualmente atua como professora da Academia da Polícia Civil de São Paulo 

Dr. Hélio do PDT (Foto: Luciano Claudino/Código19)
 
Dr. Hélio (PDT)
Hélio de Oliveira Santos, que é médico, foi duas vezes deputado federal e duas vezes prefeito de Campinas. Ele teve o mandato cassado na Câmara em 2011 por omissão em meio ao escândalo do Caso Sanasa. Ele afirma que foi perseguido e entende que já cumpriu os oito ano de cassação. Porém, o ex-prefeito de Campinas teve várias contas rejeitadas pela Câmara, o que em tese o torna ilegível até 2024.

Segundo especialistas, Hélio pode até requerer o registro da candidatura, mas, pela lei, corre o risco de não conseguir o deferimento. Ele pode também fazer campanha e participar da eleição como fez na disputa de 2016, quando seus votos não foram computados pela Justiça Eleitoral. 

Laura Leal do PSTU (Foto: Reprodução)
 
Laura Leal (PSTU)
Laura Leal, de 44 anos, é petroleira desde 2002 e militante do PSTU desde 1994. Já foi candidata a vereadora em 2004 e 2012 e a deputada estadual em 2014. O vice na chapa será José Freitas (PSTU). 

Pedro Tourinho do PT (Foto: Diogo Zacarias/ Divulgação)
 
Pedro Tourinho (PT)
Pedro Tourinho é médico sanitarista e professor de medicina da PUC-Campinas. Ele foi eleito vereador pela primeira vez em 2012, quando teve 2.990 votos.

Na reeleição, em 2016, obteve 7.001 votos, sendo o terceiro parlamentar mais votado da cidade. Esta será a primeira campanha eleitoral do político ao Executivo, que terá como vice Edilene Santana (Psol). 

Rafa Zimbaldi do PL (Foto: Marília Rastelli/EPTV Campinas)
Rafa Zimbaldi (PL)
Atual deputado estadual, Rafa Zimbaldi tem 39 anos e foi vereador em Campinas por quatro mandatos. O político foi ainda o mais votado na cidade nas eleições de 2016 e foi presidente do Legislativo por dois biênios.

No começo do ano, Zimbaldi teve atritos com o PSB, partido do atual prefeito Jonas Donizette, e saiu da legenda. A psicóloga Ana Beatriz (PSDB), mulher do deputado federal Carlos Sampaio (PSDB), é sua vice. 

Rogério Menezes do PV (Foto: Divulgação)
Rogério Menezes (PV)
Rogério Menezes tem uma carreira ligada ao meia ambiente. Entre os cargos públicos já ocupados por Menezes, o último foi a função como secretário municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Campinas, no qual ficou de 2013 até este ano.

Menezes já foi candidato também a prefeito em Campinas em 2012, e candidato a vice-governador do Estado em 2010. O vice será o executivo Adalberto Maluf. 

Rogério Parada do PRTB (Foto: Divulgação)
Rogério Parada (PRTB)
Rogério Parada nasceu em Boston, nos Estados Unidos, mas como o pai estava a serviço do governo brasileiro, conseguiu a cidadania brasileira. Ele tem 54 anos e também é tenente da reserva da Aeronáutica.

O candidato a vice-prefeito é Marco Antônio de Freitas Pires, também do PRTB.   

Wilson Matos do Patriota (Foto: Divulgação)
Wilson Matos (Patriota)
O empresário Wilson Matos construiu carreira nos Estados Unidos, país onde morou por 25 anos. Estudou engenharia em uma universidade em Washington, instituição em que também faz pós-graduação.

Ele possui uma empresa que atua nos Estados Unidos e também tem sede em Campinas, segundo a assessoria. Além disso, atua em projetos sociais nos EUA e em Campinas, entre eles um com foco no Parque Oziel. 

Edson Dorta é o pré-candidato do PCO (Foto: Rede Social) 

Edson Dorta (PCO) 

Edson Dorta tem 48 anos e é formado em direito. Ele foi diretor do sindicato e da federação que representa os funcionários dos Correios, onde trabalha desde 1994.

Em 2016, também concorreu ao cargo de prefeito de Campinas e, em 2010, foi candidato a vice-presidente pelo PCO.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON