Publicidade

politica

Bolsonaro viaja para SC sem ainda ter sancionado projeto da desoneração

A previsão é de retorno a Brasília somente em 3 de janeiro

| Estadao Conteudo -

Presidente Jair Bolsonaro (Foto: Alan Santos/PR)
 

Por Eduardo Gayer e Dida Sampaio
Sem ter sancionado até o momento o projeto que prorroga por mais dois anos a desoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia, o presidente da República, Jair Bolsonaro, viaja nesta segunda-feira para São Francisco do Sul (SC), onde deve passar o réveillon. A previsão é de retorno a Brasília somente em 3 de janeiro.

O chefe do Executivo já deixou o Palácio da Alvorada rumo à Base Aérea de Brasília. Antes, conversou com apoiadores em frente à residência oficial por cerca de 10 minutos.

Apesar da nova viagem de Bolsonaro, a expectativa é que a secretaria-geral da Presidência confirme a sanção do projeto por meio de nota ainda nesta semana.

O prazo para sanção é 7 de janeiro, mas a atual rodada de desoneração da folha de pagamento expira no próximo dia 31.

O presidente prometeu sancionar o PL da desoneração na última quinta-feira, em transmissão ao vivo nas redes sociais, e reiterou o compromisso durante almoço com jornalistas no Palácio da Alvorada na véspera de Natal.

Bolsonaro viaja para São Francisco do Sul apenas quatro dias após voltar do Guarujá (SP), praia em que tirou seis dias de férias, para passar o Natal em Brasília. No litoral paulista, o presidente passeou de moto e jet ski, conversou com apoiadores e foi gravado dançando funk em um barco com ao menos mais quatro pessoas. A música era uma paródia em sua homenagem e comparava mulheres de esquerda a cadelas.

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, também viaja nesta segunda-feira. O general passará o ano-novo na Base Naval de Aratu, que pertence à Marinha, em Salvador (BA), e igualmente só deve voltar a Brasília em 3 de janeiro.



Mais notícias


Publicidade