Aguarde...

ACidadeON Campinas

Campinas
mín. 20ºC máx. 36ºC

Especial Névio Archibald

Névio: CMDU vota pauta que pode censurar conselheiros

O Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano quer proibir qualquer tipo de filmagens das reuniões do conselho

| ACidadeON Campinas

Oficialização da posse dos conselheiros do CMDU em 2015 (Foto: Divulgação/PMC) 

O CMDU (Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano) vai votar, na noite desta quarta-feira (10), um tema polêmico. O presidente João Manuel Verde dos Santos propôs vetar qualquer tipo de filmagens das reuniões do conselho. O tema fica ainda mais polêmico, porque na semana passada o vereador Pedro Tourinho (PT) protocolou um projeto de lei que garante o acesso e autoriza qualquer munícipe de Campinas a gravar, filmar ou fotografar as reuniões ordinárias e extraordinárias dos conselhos municipais de Campinas.

A pauta do CMDU foi publicada no Diário Oficial do dia 4 de abril. O item 2 traz a "Apresentação de Proposta do Presidente à inclusão no Regimento Interno de proibição de Filmagens das Reuniões do Conselho".  O CMDU é responsável por apreciar e pronunciar-se sobre planos gerais e específicos, que estejam relacionados com os interesses de toda a comunidade, no que diz respeito ao desenvolvimento municipal.

João Manuel foi procurado para tentar explicar o motivo de proibir filmagens, mas não foi encontrado.  

EMPLACOU 

O prefeito Jonas Donizette (PSB) anunciou na última segunda-feira (8) a nomeação de Osmar Torres de Santana Filho como novo coordenador da AR 6 (Administração Regional 6), no São Bernardo. A indicação seria do vereador Filipe Marchesi (PR), um dos integrantes da CP (Comissão Processante) que inocentou Jonas Donizette (PSB) das denúncias do Ouro Verde. O coordenador atual era ligado ao vereador Vinícius Gratti (PSB), mas foi exonerado porque o parlamentar se ausentou na votação do relatório da CP. 

MAIS PERTO DE BOLSONARO 

Irmão do vereador Tenente Santini (PSD), o advogado José Vicente Santini deve ser nomeado para assumir a Secretaria Executiva da Casa Civil do governo de Jair Bolsonaro (PSL). Ele vai para o lugar de Abraham Weintraub, que assumiu o Ministério de Educação.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook