Aguarde...

ACidadeON

Voltar

Especial Névio Archibald

Vereador vai ao MP contra aumento das passagens

A partir do próximo domingo andar de ônibus na cidade vai custar R$ 4,95 para pagamento com QR Code e Vale Transporte

| ACidadeON Campinas

Gustavo Petta denunciou o aumento da passagem no MP (Foto: Divulgação) 

O vereador Gustavo Petta (PCdoB) protocolou, no MP-SP (Ministério Público do Estado de São Paulo) um pedido de investigação sobre o aumento do valor das tarifas do transporte público, em Campinas.

A partir do próximo domingo (7) andar de ônibus na cidade vai custar R$ 4,95 para pagamento com QR Code e Vale Transporte. Hoje a tarifa é de R$ 4,70 um aumento de 5,3%. O Bilhete Único, utilizado por 92% dos passageiros, que hoje custa R$ 4,30 vai passar a R$ 4,55 (reajuste de 5,81%) e o Passe Universitário vai para R$ 2,28.

O chamado Linhão de Saúde/ Circular Centro (identificada pelo número 502) passa a ter tarifa de R$ 3,00 para o Bilhete Único Comum, de R$ 1,20 para o passe estudante e de R$ 1,50 para o passe universitário.

Na sexta-feira o parlamentar também vai se reunir com o promotor do Direitos do Consumidor José Fernando Vidal de Souza para explicar a situação.

"Foi publicado justo agora quando estudantes estão de férias, dificultando alguns protestos, e as sessões na Câmara Municipal estão de recesso, dificultando a resistência ao aumento no legislativo", disse.

DEFESA

A cidade ficou um ano e meio sem reajuste e segundo a Prefeitura a reposição ficou abaixo da inflação no período (janeiro de 2018 a maio de 2019) medida pelo IPCA, que foi de 6,05%.

Outra justificativa da Administração para o aumento, além do período de um ano e meio sem alta, os preços dos combustíveis aumentaram 11,36% e os salários dos motoristas subiram 7,1%, fatores que encareceram o custo do sistema, segundo nota emitida pela Prefeitura na manhã de segunda-feira.

Mais do ACidade ON