Publicidade

Casa em Verso e Prosa

Quartos de casal com cantos laterais cheios de personalidade

A tendência agora é deixar de lado a simetria e inovar na produção dos espaços para fugir do tradicional

| ACidade ON -

Já foi-se o tempo do criado-mudo!
Aquele movelzinho de apoio que fazia conjunto com a cama de casal e que ganhou este nome porque veio para substituir os servos que ficavam ali a postos, }à disposição dos seus senhores e eram considerados falantes demais por eles.
Se o habitual antes era decorar estes móveis simetricamente, como se um lado fosse espelho do outro, agora o mais importante é a liberdade de poder criar cantos diferentes, que estejam de acordo com a personalidade de quem dorme ali do lado... Explorar esta possibilidade revela ideias inspiradoras. 

De olho na intimidade dos quartos


Na visita que fiz a CASACOR SP deste ano (eu já mostrei pra vocês o que eu achei: https://www.acidadeon.com/casaemversoeprosa/NOT,0,0,1669864,casacor-sp-redescoberta-do-simples-e-retorno-as-origens.aspx) invadi os quartos de casal com foco direcionado para os cantinhos que arquitetos e designers criaram ao lado da cama. Esta diversidade de composições eu compartilho com vocês agora...
Vamos começar com este quarto aí que abraça a gente logo na entrada. Um aconchego conseguido com a escolha de cores, texturas e elementos bem naturais. Destaque para as plantas colocadas atrás da cabeceira da cama.
 

Para finalizar a composição em tons de terra, muitas folhagens por trás da cabeceira da cama


De um lado da cama, a arquiteta criou uma espécie de mesa de apoio empilhando tijolos, daqueles mais simples mesmo, de uma forma mais desestruturada. Em cima, uma luminária mais sofisticada ajuda a dar um equilíbrio ao canto. Um pouco mais à frente, uma banqueta de apoio pra lateral.
Repare que aqueles tapetinhos pequenos que ficavam ao lado da cama toda hora saindo do lugar foram substituídos de vez por outros maiores, que ficam à mostra não só nas laterais, mas no pé da cama também.

Tijolos empilhados de uma forma menos convencional se transforma numa mesa de apoio rústica sem destoar da composição


Do outro, lado o contraponto fica por conta de um móvel que pode ser usado como escrivaninha num home office ou como penteadeira pra maquiagem. A estratégia de usar peças com mesmo acabamento e cor ajuda a dar mais unidade e uma sensação de amplitude no espaço.

Móveis de uma única cor ajudam a dar mais amplitude para o ambiente


Neste outro quarto, quero que você comece reparando o acabamento lateral da cama. Vi outras camas no mesmo estilo e confesso que achei que deixa o ambiente mais aconchegante. Outro elemento que ajudou a criar o clima foi esta parede toda em marcenaria. O nicho rasgando toda a horizontal é usado para armazenar livros e acomodar alguns objetos de decoração. Uma linguagem bem contemporânea quebrada com a escolha de um baú bem antiguinho usado como mesa de apoio. A produção feita sobre ele valorizou peças garimpadas e mais modernas.
 

Um baú antigo pode ser o apoio para os livros e a luminária. Aqui a composição considerou quadros e objetos colocados na cabeceira


Para seguir a mesma linguagem, do outro lado foi colocada uma mesa bem rústica pintada de preto, com livros em cima. 

Uma mesinha bem rústica pintada de preto traz equilíbrio ao quarto com uma decoração mais contemporânea

Olha de novo neste outro quarto a cama com tapeçaria em volta. Fica ou não fica um charme? Em uma das pontas foi feita uma composição usando duas mesinhas de estilos e acabamentos diferentes, uma luminária de designer, livro e uma plantinha na água.
 

Agora um pouco mais de longe pra gente ver melhor como foi feita a montagem com quadro e tapete

Do outro lado, mais peças de design... uma escultura pendente e um banquinho cheio de estilo. Não deixe de observar o tapete grande aí de novo, neste caso xadrez, lindissimooooo!!!
 

Uma mesinha pequena, de linhas retas, transparente mas cheia de textura se contrapõe a escultura pendente. Detalhe para a iluminação natural que cria um efeito super bacana no canto.

Olha só estas outras montagens de estilos totalmente diferentes. Em um dos lados, a simplicidade de uma mesinha branca e uma luminária mais moderna. 

 

Uma cabeceira que mescla marcenaria e tapeçaria e como mesa de apoio um móvel bem clean


Já do outro lado, uma mesinha de tronco, mais rústica para apoiar a moringa e o copo d´água, livros empilhados no chão e uma folhagem. 

Do outro lado, um pouco mais de aconchego, com uma mesa mais rústica de madeira maciça, vidrinho com folhagens e livros com velas no chão.


Pra finalizar, um quarto de casal onde os móveis laterais são iguais, fazem conjunto com a cama maravilhosa de madeira com acabamento em palhinha, mas com a produção feita em cima que é diferente.
Em um dos móveis, livros na vertical e uma louça branca para acomodar as orquídeas.

Um móvel de madeira clara e detalhes em palhinha, mesmo acabamento da cabeceira da cama. Em cima uma produção com livros, vaso de louça branca e flores. Para finalizar a composição um banquinho com almofada


No outro, a composição foi uma pouco mais elaborada... Sobre o móvel, caixinhas e uma luminária cheia de estilo. Na parede, quadros e objetos fixados. Reparem que atrás da cabeceira da cama, foi feita uma outra cabeceira com tapeçaria que acompanha toda a parede. Uma fita de led ajuda a dar um destaque para a peça... Se você reparar as fotos acima, muitos ambientes foram produzidos considerando a composição de duas cabeceiras. 

Embora o móvel usado de apoio seja o mesmo, a composição foi feita levando-se em conta também verticalidade, com quadros e objetos fixados na parede, logo acima da cabeceira. A fita de led no limite da cabeceira dão um destaque maior pra ela.
Espero que inspire vocês!!! 

Cris Maia

Mais notícias


Publicidade