Aguarde...

cotidiano

Amparo aumenta restrições em segundo fim de semana de "lockdown"

Fechamento total de comércios e suspensão das atividades não essenciais têm início às 0h desta sexta-feira (11), e segue até domingo (13)

| ACidade ON - Circuito das Águas


"Lockdown" volta a ser aplicado em Amparo (Foto: ACidade ON Circuito das Águas)
A partir das 0h desta sexta-feira (11), a cidade de Amparo adota o segundo final de semana de "lockdown", com a suspensão completa das atividades não essenciais. A medida segue até domingo (13) e, durante o período, apenas as empresas dos setores de alimentação e higiene, além dos fabricantes de equipamentos hospitalares e transportadoras poderão trabalhar, desde que respeitem um plano de operação com somente 50% do efetivo em operação.

Comércios como supermercados, restaurantes, lanchonetes e similares poderão oferecer a venda de seus produtos no sistema de entregas delivery, enquanto os postos de combustíveis estarão fechados ao público no sábado (12) e domingo (13). O abastecimento será oferecido apenas aos carros oficiais e de serviços de emergência, como viaturas e ambulâncias. Missas e cultos seguem vetados, assim como o funcionamento das demais empresas e indústrias da cidade.

Agências bancárias do município também não terão expediente nesta sexta-feira (11). Segundo a administração municipal, os bancos irão permanecer fechados durante o período de maior restrição, que segue até domingo (13). O transporte público deixa de funcionar e o toque de recolher acontece das 0h às 5h.

De acordo com a prefeitura, quem trabalha ou tem compromisso em outros municípios terá que comprovar o motivo da viagem caso seja abordado por agentes de segurança. Hotéis, pousadas e similares não podem receber novos hóspedes que venham ao município com a finalidade de turismo. Confira todas as restrições abaixo:

"LOCKDOWN"

2ª SEMANA
Das 0h de sexta-feira (11) até às 23h59 de domingo (13)

NÃO PODE
*Todas as atividades comerciais, de prestação de serviços, inclusive bancários, e industriais, quer para o atendimento presencial, quer para a prática de atividades internas, externas, produtivas, de manutenção, de limpeza;

O QUE PODE
*Atividades de segurança;
*Atividades industriais de alimentos, equipamentos médicos/pesquisas e de higienização, cadeia de insumo para estes setores, inclusive de embalagens, cuja paralisação acarrete, danos à estrutura do estabelecimento e aos respectivos equipamentos ou máquinas, bem como implique no perecimento de insumos, devendo ser implementada a redução, de no mínimo 50% (cinquenta por cento), do fluxo de pessoas, funcionários e/ou prestadores de serviços;
*A prestação de serviço de transporte individual, inclusive através de aplicativos de transportes, exclusivamente para atendimento circulação essencial;
*Delivery exclusivamente por hipermercados, supermercados, minimercados, mercearias, padarias, lanchonetes, restaurantes, açougues, hortifrutigranjeiros, avícolas, desde que o estabelecimento permaneça com as portas fechadas e opere com até 50% de seus funcionários ou prestadores de serviços;
*Postos de combustível, exclusivamente para abastecimento dos serviços públicos municipais, estaduais e federais, inclusive polícia militar;
*Farmácias e drogarias:
*Hospitais e unidades de saúde.

CIRCULAÇÃO LIVRE
*Para compra de medicamentos;
*Para obtenção de atendimento ou socorro médico (urgência e emergência);
*Para embarque e desembarque no terminal rodoviário.

É BOM TER NO BOLSO
*Documentos pessoais de identificação;
*Comprovação de endereço residencial;
*Nota fiscal da compra ou prescrição médica do medicamento adquirido ou a ser adquirido;
*Atestado de comparecimento na unidade de saúde de prestação do atendimento ou socorro médico ou agendamento da vacinação ou prescrição de medicamentos;
*Carteira de Trabalho ou contracheque ou contrato social de empresa que seja sócio ou declaração de terceiro com identificação do indivíduo ou do declarante e do endereço da prestação dos serviços ou imagem da convocação da empresa;

Multa:
R$ 500, por infração;
Postos de combustíveis funcionam apenas nesta sexta-feira (11 de junho)



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON