Publicidade

cotidiano

Recém-nascida encontrada em cocho recebe alta em Jaguariúna

De acordo com a prefeitura, a bebê foi entregue sob os cuidados do Conselho Tutelar de Pedreira; Polícia Civil afirma que as investigações seguem em andamento

| ACidade ON - Circuito das Águas -

Bebê encontrado no Bairro Moranguinho em Pedreira (Foto: Roberto Torrecilhas)
A recém-nascida encontrada abandonada em um cocho do curral de animais em uma fazenda de Pedreira no dia 10 de outubro recebeu alta do Hospital Municipal Walter Ferrari, em Jaguariúna. De acordo com a administração da cidade, a menina foi liberada na última segunda-feira (18) e encaminhada aos cuidados do Conselho Tutelar de Pedreira. 

O Conselho Tutelar informou nesta quarta-feira (20) que a criança passa bem e está sob os cuidados de uma casa de acolhimento do município. É aguardado o final das investigações feitas pela Polícia Civil para a sequência do trâmite judicial. Algumas pessoas têm telefonado aos conselheiros tutelares da cidade para saber sobre a possibilidade da adoção da criança.  

Segundo a Polícia Civil, as investigações sobre o caso seguem em andamento e os responsáveis pelo abandono ainda não foram identificados.

Histórico do caso

A bebê recém-nascida foi encontrada abandonada dentro de chocho do curral de animais pelo funcionário de uma fazenda no bairro Moranguinho, em Pedreira, na manhã do dia 10 de outubro. A Guarda Municipal (GM) foi acionada na ocasião e realizou o resgate da menina.

De acordo com a corporação, os agentes perceberam que a criança apresentava sinais de hipotermia e ela foi encaminhada ao Pronto-Socorro do Hospital Humberto Piva, onde recebeu os primeiros atendimentos. A ocorrência foi registrada no Plantão Policial da Delegacia de Jaguariúna e o Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar o caso.

O funcionário da fazenda que encontrou a criança contou que não iria até o curral naquele dia. "Mas parece que alguma coisa me empurrou para lá. Acho que foi Deus", disse na ocasião.

Ele destacou que não ouviu choro, mas percebeu o que parecia ser uma blusa dentro do cocho e se aproximou. "Então vi a mãozinha da criança. Chamei meu patrão no mesmo instante", relatou.

A menina estava embrulhada em um pedaço de pano e, segundo a GM, aparentava estar com frio. Após receber os primeiros atendimentos pela equipe de enfermagem do hospital de Pedreira, a bebê foi enviada ao berçário do Hospital Municipal Walter Ferrari, em Jaguariúna, para ser acompanhada por pediatras.

Mais notícias


Publicidade