ACidadeON

Cotidiano

Secretário de Meio Ambiente de SP cai após rompimento entre PP e França

Meio Ambiente SP secretário exoneração

| Estadao Conteudo

O rompimento entre o PP e o governador Márcio França, anunciado na semana passada pelo presidente do partido, Guilherme Mussi, acabou sobrando para a Secretaria do Meio Ambiente. Apenas nove meses depois que foi escolhido para a pasta por indicação de Mussi, Maurício Brusadin foi exonerado nesta terça-feira, 26. A mudança foi anunciada nesta terça no Diário Oficial do Estado.

Ele tinha colocado o cargo à disposição na sexta, 22, depois que Mussi mandou uma mensagem de Whatsapp para França dizendo que estava rompendo a aliança e se aliando a João Doria para a disputa ao governo do Estado, conforme noticiou o Painel da Folha.

Ao jornal O Estado de S.Paulo, Brusadin disse que, apesar de não ser filiado ao PP, entende a posição de França, que teria sinalizado para que ele saísse do governo. "Não sou do PP, mas o Guilherme, por relação pessoal comigo, quando o governador (então Geraldo Alckmin) e ele desejaram mudar o Ricardo (Salles, então secretário, também ligado ao PP), acabou me indicando porque eu tinha sido presidente estadual do PV. Quando o PP agora tomou a decisão de sair, acho que não sobrou muita saída para o governador", afirmou.

"Evidente que o quadro era esse. Acabou sobrando para mim, apesar de não ser do partido", continuou.

A vaga será ocupada, ao menos temporariamente, pelo até então secretário adjunto Eduardo Trani. "O que eu propus é que se prezasse a continuidade da gestão. Tínhamos muitas agendas em andamento e se tivesse descontinuidade poderia gerar muitos problemas. É o caso da entrada em vigor do Sinaflor (Sistema Nacional de Controle da Origem dos Produtos Florestais), que se atrasar pode colocar em ilegalidade todo o setor madeireiro do Estado. Temos várias unidades de conservação com o plano de manejo quase pronto. Uma ruptura agora poderia atrasar tudo isso."

Trani não tem relação com nenhum partido. França não fez nenhum comunicado sobre a mudança.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários