Aguarde...

ACidadeON

Cotidiano

Edison Brittes e mais 3 serão indiciados por homicídio qualificado no "caso Daniel"

| FOLHAPRESS

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A Polícia Civil do Paraná informou, nesta terça-feira (20), que vai indiciar Edison Brittes e outras três pessoas por homicídio qualificado por tortura e ocultação de cadáver pela morte do jogador Daniel Corrêa. A polícia encaminhará o inquérito com o indiciamento à promotoria de Justiça. Os laudos da perícia e do IML serão juntados ao inquérito nesta quarta (21), de acordo com o delegado que lidera a investigação Amadeu Trevisan.Além de Edison, que é o autor confesso do crime, Igor King, Eduardo Henrique Ribeiro e David Vollero também serão indiciados. Todos estão presos. Os quatro estavam no carro que levou Daniel para o matagal onde foi encontrado morto em São José dos Pinhais, em 27 de outubro.A Polícia também irá indiciar Allana Brittes e Cristiana Brittes, filha e esposa de Edison, respectivamente, por fraude processual no curso do processo e coação de testemunhas. As duas estão presas preventivamente na Penitenciária Feminina de Piraquara (PR).Além delas, Eduardo Purkote será indiciado por lesão corporal grave. O gêmeo Purkote está detido desde quinta-feira (15) e deverá continuar em custódia pelo menos até quarta-feira, de acordo com Trevisan."O que a gente observa nos depoimentos são algumas contradições. Algumas pessoas colocam o Purkote no crime outras não colocam. Depende da análise boa que devemos fazer nas próximas 24 horas. Ele deve continuar preso pelo menos pelas próximas 24 horas até que seja feita toda análise do conteúdo inquérito", explicou o delegado mais cedo nesta terça.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários