ACidadeON

Cotidiano

Conselho municipal decide tombar centro universitário na zona sul de SP

Conpresp centro universitário tombamento

| Estadao Conteudo

O Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp) decidiu tombar a sede do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp), localizado no Capão Redondo, zona sul da cidade de São Paulo. O espaço é datado dos anos 20. A decisão levou em consideração a "representatividade e importância" da instituição como "polo indutor de urbanização" do bairro no século 20.

O tombamento foi requerido em 2012 por um ex-aluno. Em breve, a decisão será publicada em Diário Oficial e, se não houver contestação, será acatada pela Secretaria Municipal de Cultura. A decisão do Conpresp foi unânime, embora parte das edificações do local tenha passado por alterações nas características originais.

"Também justifica a preservação da área, este modelo de instituição de assistência social em regime de internato integral, cuja estrutura e formatação de congregar as áreas de habitação, de estudos, de produção e de socialização em um mesmo local que foi adotada e muito utilizada no século passado, como forma de integrar a preparar jovens e adolescentes para o cotidiano da vida", ressalta a ata da decisão.

O terreno do centro universitário foi comprado em 1915 pelo casal de missionários norte-americanos John e Augusta Boehm. No ano seguinte, eles começaram a dar aulas no local, rebatizado como Colégio da União Conferência Brasileira dos Adventistas do Sétimo Dia, que deu origem à Unasp.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários