ACidadeON

Cotidiano

Corpo de jovem que morreu em assalto na Frei Caneca é sepultado no interior de SP

violência SP latrocínio Frei Caneca

| Estadao Conteudo

O estudante de Direito Maciel Teodoro Júnior, de 28 anos, baleado durante uma tentativa de roubo de telefone celular na noite de domingo, 8, na região central da capital paulista, foi sepultado na manhã desta terça-feira, 10, no Cemitério Municipal de Cândido Mota, município do interior de São Paulo.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), uma testemunha que estava com a vítima disse que eles pararam em frente a um hotel para chamar um carro por aplicativo de celular, quando foram abordados por duas pessoas armadas que anunciaram o assalto. A vítima teria se assustado e foi baleada. O crime aconteceu na Rua Frei Caneca, no bairro da Consolação, no centro de São Paulo.

A Polícia Militar foi acionada e encontrou o jovem recebendo os primeiros atendimentos por populares. Em seguida, o rapaz foi atendido pelo Samu e equipe de resgate. Maciel chegou a ser levado ao Hospital das Clínicas, que fica próximo ao local do crime, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a polícia, os criminosos teriam fugido em um carro. Maciel era estudante de Direito da FEMA (Fundação Educacional do Município de Assis). O caso foi registrado como latrocínio no 78° Distrito Policial dos Jardins e encaminhado ao 4° Distrito Policial da Consolação.