Aguarde...
Curadoria Hilst
  • +

    Curadoriahilst

    Poemas aos Homens do Nosso Tempo X

    Escritos em outro tempo, mas incrivelmente atuais como devem ser os grandes poemas, universais como Hilda Hilst

    | ACidade ON

     


    Pílulas poéticas da obra de Hilda Hilst comandadas pela atriz Paula Santiago. Nesta edição, Paula lê mais um poema de "Poemas aos Homens do Nosso Tempo". Pode ser encontrado hoje em "Poesia Completa", neste link:
     

    POEMAS AOS HOMENS DO NOSSO TEMPO X

    Amada vida:
    Que essa garra de ferro
    Imensa
    Que apunhala a palavra
    Se afaste
    Da boca dos poetas.
    PÁSSARO-PALAVRA
    LIVRE
    VOLÚPIA DE SER ASA
    NA MINHA BOCA.

    Que essa garra de ferro
    Imensa
    Que me dilacera

    Desapareça
    Do ensolarado roteiro
    Do poeta.
    PÁSSARO-PALAVRA
    LIVRE
    VOLÚPIA DE SER ASA
    NA MINHA BOCA.

    Que essa garra de ferro
    Calcinada

    Se desfaça
    Diante da luz
    Intensa da palavra.

    PALAVRA-LIVRE
    Volúpia de ser pássaro

    Amada vertiginosa.     

    Asa.

    Mais do ACidade ON