Aguarde...
Curadoria Hilst
  • +

    Curadoriahilst

    A criação musical independente, com Douglas Mam

    Douglas Mam falará sobre sua trajetória artística e suas colaborações com outros artistas na cena musical independente de São Paulo e do Brasil.

    | ACidade ON


    Este Culturalista é com o músico e compositor Douglas Mam para falar sobre sua trajetória artística e suas colaborações com outros artistas na cena musical independente de São Paulo e de outros estados do Brasil. 

    Vamos conversar sobre suas produções antigas e recentes, como "Fahrenheit", disco de estreia da sua carreira solo e vamos ouvir em primeira mão, sobre seus novos projetos artísticos e musicais, seu novo livro de poesias, que está no forno, e seu novo disco, com co-produção de Rodrigo Cambará. Além das histórias de shows e parcerias ao longo dos seus 15 anos de carreira. 

    Tudo isso e algo mais no Culturalista!

    Nosso espaço de bate-papo sobre arte, cultura e pensamento. 

    Douglas Mam é musico e compositor paulistano.Sua carreira é rica em parcerias com diversos músicos e compositores, apresentando-se em notórias casas da cena underground paulistana, passando também por centros culturais e turnês pelo interior.  

    Antes de iniciar a construção da carreira solo (2014), ao lado da banda Os Famigerados, o músico, compositor, arranjador e poeta passou por diversas bandas em mais de 15 anos: Os Babilaques, Dondoka Junkie, Os Pilotos entre outras. Em 2017, Mam lançou o single/clipe da canção Se Eu - dirigido por Celso Gattaz -, que teve produção musical também de Juliano Gauche e participação de Murilo Sá e Peri Pane.  

    Nesse mesmo ano criou o festival Era Uma Vez no Oeste, com o objetivo de celebrar aqueles que pavimentaram o folk nacional e, ao mesmo tempo, ser uma lente de aumento para a cena independente do estilo mais de 30 artistas já se apresentaram em suas 9 edições. 

    Anteriormente, Douglas Mam arranjou músicas de compositores e letristas como Tatá Aeroplano, Julia Valiengo (Trupe Chá de Boldo) e Paulo Cesar de Carvalho poeta com quem também tem parcerias. Os músicos Thomas Incao, Vitor Santhiago e Wilmar Santos, entre outros, também já foram parceiros em composições de Douglas Mam. O artista também transita pelas artes visuais, tendo produzido e protagonizado o curta metragem Viajando na Moeda que teve direção de Guilherme Bicudo, e pelas artes cênicas, tendo realizado a trilha sonora composta ao vivo durante o espetáculo solo de dança Eletro-corpo/ vibrações vogais, apresentado na Biblioteca Pública Alceu Amoroso Lima. Na Cia. Zabilin, participou como músico em dupla de contação de histórias que difundia a cultura popular em espaços públicos e educacionais como CEUs e praças públicas. Ainda na Cia. Zabilin, Douglas Mam realizou a trilha musical de apresentação realizada no Ciclo Junino do Sesc Campo Limpo. 

    Instagram - @douglasmamoficial
    You tube - shorturl.at/dnE12
    Clipe Fahrenheit 451 - https://www.youtube.com/watch?v=5MUUJ1uJOtU
    Show Lançamento Sesc Belenzinho - shorturl.at/eCIQZ
    Acústico Trem de Papel - shorturl.at/ctEQ1

    Veja a playlist completa do CULTURALISTA 

    E acompanhe ao vivo, sempre às quintas-feiras, 20h.

    Mais do ACidade ON