Aguarde...

ACidadeON

Economia

BNDES tem lucro de R$ 1,6 bilhão no terceiro trimestre

| FOLHAPRESS

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) registrou lucro de R$ 1,6 bilhão no terceiro trimestre, queda de 13,6% com relação ao verificado no mesmo período do ano anterior, por maiores despesas na captação em moeda estrangeira. No ano, o banco acumula lucro de R$ 6,3 bilhões, 297% a mais do que o registrado no mesmo período do ano anterior e já maior do que o lucro anual de anos anteriores. "Fizemos o resultado de um ano em nove meses", disse o diretor de Estratégia e Transformação digital do BNDES, Ricardo Ramos.  O resultado foi provocado pelo desempenho das operações de participações societárias do banco, que acumula resultado positivo de R$ 5,7 bilhões em 2018 com venda de ações e receita com dividendos das empresas nas quais o banco é sócio. Com a venda, entre outras, ações da Petrobras, Eletropaulo e Vale, o resultado de alienações de investimentos do banco cresceu 119,5% com relação aos nove primeiros meses de 2017. Após as alienações, a participação do BNDES na Petrobras caiu de 9,67% para 8,37%, com ganho para o banco de R$ 1,8 bilhão. Na Vale, caiu de 7,60% para 7,35%., com ganho de R$ 600 milhões. Na Eletropaulo, o BNDES aproveitou a venda do controle para a italiana Enel e se desfez de sua posição, com ganho de R$ 1 bilhão.  Em 2028, o banco teve receita de R$ 594 milhões com dividendos, a maior parte de Vale.

Veja também