ACidadeON

Esportes

Após 1º dia de treinos, Vettel e Hamilton esperam disputa acirrada na Inglaterra

Fórmula 1 GP da Inglaterra Sebastian Vettel Lewis Hamilton

| Estadao Conteudo

Os treinos livres desta sexta-feira deram indícios de que Ferrari e Mercedes devem travar uma grande batalha no GP da Inglaterra de Fórmula 1. Pelo menos é a sensação que o alemão Sebastian Vettel e o inglês Lewis Hamilton tiveram ao deixar a pista.

Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 146 pontos e terminou a segunda sessão desta sexta-feira com o melhor tempo. Hamilton, que tem um ponto a menos na classificação geral, no entanto, cravou a melhor volta do dia na primeira sessão.

"É certo que eles (Mercedes) são muito fortes aqui. Nós esperamos estar muito fortes amanhã (no classificatório). Acredito que a gente vai estar bem e espero que a gente siga perto deles. Seria muito bom", afirmou Vettel.

A Mercedes tem dominado o GP da Inglaterra nos últimos anos. Desde 2013 que a escuderia consegue fazer a pole e fechar a corrida com vitória. Apesar do histórico a favor e de ter sido o mais rápido do dia, Hamilton foi cauteloso na entrevista coletiva desta sexta-feira.

"Com a velocidade da pista e as curvas, acredito que essa será a prova que mais se exigirá da parte física", afirmou o britânico. "A Ferrari está realmente rápida. Estamos em uma disputa acirrada e isso é o que os torcedores mais gostam. A atmosfera é especial", emendou.

À tarde, Vettel dominou a maior parte da sessão para cravar o tempo de 1min27s552, pouco mais de um décimo à frente de Hamilton, que marcou 1min27s739 e terminou em segundo. Porém, não foi o suficiente para superar o tempo registrado pelo inglês pela manhã, de 1min27s487, que lhe garantiu a liderança do dia.

"Historicamente, não temos sido muito fortes nesta pista. Mas hoje (sexta-feira) foi um bom começo para nós. Esperamos evoluir ainda mais no classificatório e amanhã acabar com essa magia deles (Mercedes)", comentou Vettel.

O último piloto da Ferrari que fez a pole no circuito de Silverstone foi o espanhol Fernando Alonso em 2012. O último triunfo da escuderia italiana foi com Alonso em 2011. Já Hamilton venceu na Inglaterra nos últimos quatro anos.

"A pista nunca esteve tão rápida. Estamos fazendo a Copse de pé embaixo e as curvas 1 e 2 com DRS. É insano como está rápido. Quanto mais rápido fica, melhor. Essa deve ser a melhor pista do mundo porque parece que estou pilotando um jato. Mas também é a pista muito ondulada", analisou Hamilton.

O GP da Inglaterra é a décima etapa na temporada da Fórmula 1. Neste sábado haverá o terceiro treino livre, às 7h (de Brasília), e o classificatório está marcado para as 10h. A corrida acontecerá no domingo, com largada programada para as 10h10.

Veja também