Aguarde...

ACidadeON

Esportes

André Jardine tenta recolocar o São Paulo no G4 diante do Grêmio

| FOLHAPRESS

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em jogo considerado decisivo na luta pelo G4, que dá vaga direta para a fase de grupos da Libertadores, o São Paulo recebe o Grêmio nesta quinta (15), às 19h, no Morumbi, pelo Brasileiro. Os gaúchos têm 58 pontos e estão em quarto. Os são-paulinos têm a mesma pontuação, mas ficam atrás por terem uma vitória a menos: 16 a 15. Na última rodada, após empatar com o Corinthians por 1 a 1, o São Paulo saiu do G4 após 22 rodadas. Isso custou o cargo do técnico uruguaio Diego Aguirre, que foi demitido. Caberá ao interino André Jardine a missão de colocar o time de volta nos trilhos. A intenção de Jardine é mudar o estilo da equipe. Além do Corinthians, o São Paulo vem de empate com o Flamengo. Segundo ele, o principal desafio será tornar o time um pouco mais ofensivo. O esquema com três zagueiros deve ser desfeito com a saída de Anderson Martins. Arboleda e Bruno Alves devem ficar entre os titulares. "Nenhum treinador foge daquilo que acredita. Tenho convicção de que o São Paulo tem elenco e peças para jogar bem melhor, jogar", disse Jardine, que espera que suas equipes proponham o jogo e controlem a posse de bola. A principal mudança de peças deverá ser o retorno do meia Nenê, 37. Insatisfeito com a reserva nas últimas quatro partidas, ele protagonizou episódios polêmicos. Deixou o Morumbi às pressas e irritado por não ter entrado contra o Flamengo. Depois foi acusado de ter ignorado Aguirre na comemoração do gol de Brenner, no empate com o Corinthians. No treino da última segunda (12), ele fez dois gols e aparentou não ter se importado com a saída de Aguirre. As atitudes do meia, contudo, abalaram a confiança da torcida. Nas arquibancadas, nos bares e nas redes sociais, os são-paulinos se dividem. "Diga não ao biquinho", publicou na última terça (13) a Independente, principal organizada do clube, através do seu Twitter acusando o jogador. Além de Nenê quem também deve retomar uma vaga entre os 11 é Everton. O atacante Diego Souza, artilheiro da equipe no ano, com 15 gols, sofreu um entorse no joelho direito e está fora. Tréllez é o provável substituto. SÃO PAULO Jean; Bruno Peres, Arboleda, Bruno Alves, Reinaldo; Jucilei, Hudson, Liziero (Helinho), Nenê; Everton, Tréllez (Brenner). T.: André Jardine (interino) GRÊMIO Paulo Victor; Madson Geromel, Paulo Miranda, Cortez; Michel, Maicon, Ramiro, Cícero, Everton; Jael. T.: Renato Gaúcho Estádio: Morumbi, em São Paulo Horário: 19h desta quinta Juiz: Pericles Bassols Pegado Cortez (PE)

Veja também