Aguarde...

ACidadeON

Esportes

Bolsonaro vai a campo, tira foto com taça e ouve 'mito' de jogadores

| FOLHAPRESS

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PSL) ouviu vaias, aplausos e gritos de "mito" na sua ida ao Maracanã, onde entregou as medalhas aos jogadores brasileiros campeões da Copa América.O político foi convidado pela Conmebol (confederação sul-americana) para entregar a premiação aos atletas da seleção após a vitória por 3 a 1 sobre o Peru.O presidente da entidade, Alejandro Dominguez, estava no mesmo camarote que Bolsonaro, assim como Rogério Cabloco, mandatário da CBF e diretor-executivo do Comitê Organizador Local da Copa América.Durante a entrega da medalha, Bolsonaro tentou se aproximar de Tite, que se esquivou. Na sequência, o treinador deu um abraço em Caboclo. Depois, o político do PSL se juntou ao elenco que posava com o troféu para tirar fotos ainda no gramado.Nesse momento, alguns atletas puxam o coro de "mito", apelido dado pelos apoiadores do presidente. Tite não aparece nas imagens.Antes, quando anunciado no telão, Bolsonaro foi recebido por vaias e aplausos dos torcedores no Maracanã. Dois dias antes, na sexta, ele havia dito que iria ao gramado com o ministro da Justiça Sergio Moro para "o povo dizer se estamos certos ou não".Eles acompanharam a final da tribuna de honra do estádio, ao lado de uma comitiva com outros políticos. Personalidades do esporte também estiveram com Bolsonaro, como o atacante Neymar -cortado do torneio por lesão-, Kaká, Cafu, Juninho e Bebeto.Bolsonaro e sua comitiva chegaram ao Maracanã de forma discreta, por volta de 16h35, quando já estava para começar a cerimônia de encerramento da Copa América. A cantora Anitta se apresentou no gramado do estádio, em show que contou com 400 pessoas no palco.Durante a partida, Bolsonaro se empolgou com o primeiro gol do Brasil, de Everton Cebolinha, aos 15 minutos do primeiro tempo. O presidente levantou da cadeira com rapidez para gritar com a torcida, se desequilibrou e quase caiu.O presidente não foi ao gramado do Maracanã no intervalo do jogo, como havia feito contra a Argentina, na semifinal, no Mineirão. Mas recebeu o carinho do público que estava nas tribunas de honra do Maracanã. Algumas pessoas se aglomeraram em volta do político, gritaram "mito" e pediram para tirar fotos.Antes de ir ao jogo, Bolsonaro almoçou com o embaixador de Israel no Brasil Yossi Shelley na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. Depois, ele e seus convidados cruzaram a cidade para chegar ao Maracanã.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários

Mais do ACidade ON