Publicidade

esportes

Fluminense recebe América-MG em confronto direto para colar no G-6 do Brasileirão

Fluminense recebe América-MG em confronto direto para colar no G-6 do Brasileirão

| Estadao Conteudo -

Tranquilos na tabela de classificação, Fluminense e América-MG travam um confronto direto por uma vaga na Copa Libertadores de 2022. Neste domingo, às 17h, se enfrentam no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Os dois somam 45 pontos e estão perto do G-6, zona que garante vaga ao menos na fase preliminar da competição continental. Entretanto, os clubes chegam em momentos distintos.

O Fluminense vem alternando entre vitórias e derrotas e foi superado por 1 a 0 pelo Juventude, que briga contra o rebaixamento, na última rodada. Já o América se recuperou da derrota no clássico para o Atlético-MG, por 1 a 0, e está há três jogos sem perder. Venceu Sport, por 3 a 2, e Grêmio, por 3 a 1, além de empate sem gols com o Atlético-GO.

O técnico Marcão deve ter o retorno do atacante Luiz Henrique, que treinou normalmente após ser desfalque em dois jogos devido a sobrecarga muscular. Já o meia-atacante Gabriel Teixeira fez apenas trabalho regenerativo e tem chance menor de integrar a delegação.

Marcão também poderá contar com o lateral-direito Samuel Xavier e o atacante Fred, que cumpriram suspensão na última partida. Os retornos no setor ofensivo são importantes, pois Lucca cumprirá suspensão.

"Confiamos no grupo todo, aquele que entra tenta dar o máximo. Quando tem sucesso, a gente tem mérito, quando não tem, a responsabilidade é dividida. Certamente teremos uma pressão e vamos ser responsabilizados pelo que fizermos. É normal para quem veste uma camisa tão grande quanto a do Fluminense", afirmou Marcão.

No último treino antes da viagem para o Rio de Janeiro, o técnico Marquinhos Santos contou com o retorno do jovem atacante Carlos Alberto, que estava com problema muscular desde a final do estadual sub-20. Outros jovens como Gustavo Marques, Zé Vitor, Gustavo e Kawê também treinaram com o elenco principal. A tendência é de que mantenha a escalação da última partida.

"Eu tenho rodado o elenco e sempre procuro ser o mais coerente possível. Se o atleta treina bem, ele vai ter oportunidade de pegar lista. Se ele não treinar bem e não mostrar desenvoltura no trabalho, ele vai esperar a oportunidade dele", explicou.

Mais notícias


Publicidade