Publicidade

Game ON

Nvidia traz 10 motivos para escolher um notebook GeForce RTX

Com a Black Friday, muitas pessoas pensam em adquirir um console, mas a Nvidia apresenta - fortes - argumentos para escolher um notebook

| Game ON TV -

Nvidia apresenta dez motivos para adquirir um notebook

Com a Black Friday rolando hoje (26), muitas pessoas podem estar se perguntando se vale mais a pena escolher um console de última geração ou um notebook gamer. Segundo a Nvidia, apesar da popularidade dos consoles, é inegável que a experiência gamer definitiva está em um notebook com uma GPU GeForce RTX. Confira dez motivos elencados pela empresa para mostrar que a melhor escolha é um notebook. Confira:

1- É só ligar na TV
É possível conectar o notebook a uma TV através de um cabo HDMI. Dependendo do quão poderosa é a GeForce RTX do notebook, a resolução transmitida na telona pode ser até 4K. Além de ser possível jogar na TV, também pode ser usado outros tipos de controle, como volante e pedal para títulos de corrida, por exemplo. 

2 - RTX ON: Ray Tracing e desempenho superior da plataforma PC
O Ray Tracing, tecnologia de iluminação extremamente realista, é mais avançado e mais bem aproveitado nas plataformas GeForce RTX. Isso porque as placas GeForce RTX série 30 contam com RT Cores, núcleos de processamento dedicados para esse fim e que garantem os melhores gráficos e desempenho não só para os jogos, mas também para diversos softwares que unidos, somam mais de 150 produtos compatíveis com a tecnologia. 

Ao contrário dos consoles, os notebooks com GeForce RTX possuem uma gama bem mais ampla de configurações. Além dos já conhecidos modo qualidade - que deixa os gráficos muito mais bonitos - e o modo performance - que garante maior fluidez nos jogos -, existem também diversas outras modificações que só são possíveis no PC, como o nível do Ray Tracing, nível de detalhes do título, entre outros. 

3 - Muito mais de 60 FPS
Jogos nos consoles raramente ultrapassam os 60 frames por segundo (FPS), sendo que, dependendo da configuração, notebooks com uma GeForce RTX podem chegar a até 300 FPS em alguns dos jogos mais populares. Além de tornar a experiência muito mais fluida, a alta taxa de quadros melhora muito a performance do jogador, principalmente em títulos competitivos de eSports. 

4 - Melhor desempenho com NVIDIA DLSS
Atualmente em sua versão 2.3, o NVIDIA DLSS é uma tecnologia de inteligência artificial que melhora o desempenho e a qualidade da imagem ao ser ativada. Exclusivo das placas GeForce RTX, o NVIDIA DLSS traz renderização avançada de imagem por IA e ainda permite jogar com o máximo nível de detalhes (incluindo efeitos baseados em Ray Tracing) em resoluções mais altas e com altas taxas de FPS.

Confira um vídeo preparado pela NVidia para mostrar isso: 


5 - NVIDIA Reflex
Já o NVIDIA Reflex é uma tecnologia que ajuda a reduzir seu tempo de reação, permitindo identificar os inimigos mais rapidamente e melhorando sua pontaria. Aliada ao alto desempenho das placas GeForce RTX, a tecnologia NVIDIA Reflex entrega o tempo de resposta mais baixo dos eSports. Confira:


 

6 - Arquitetura Ampere
As GPUs para laptop possuem multiprocessadores de streaming com arquitetura Ampere, que oferecem o dobro da taxa de processamento em FP32, proporcionando uma performance por watt muito maior. Isso inclui novos núcleos RT dedicados que oferecem o dobro do desempenho da geração anterior e novos Tensor Cores de 3ª geração, que trazem um aumento de duas vezes na taxa de processamento dos seus predecessores. Todo esse poder é usado pelo NVIDIA DLSS, que acelera muito o desempenho.

Os notebooks também incluem diversas ferramentas para os gamers e criadores de conteúdo, incluindo o NVIDIA Broadcast, que utiliza IA para transformar qualquer sala em um estúdio de transmissão e o GeForce Experience, para capturar e compartilhar vídeos, screenshots e transmissões ao vivo com os amigos. 

7- Tecnologias Max-Q de 3ª Geração
Com o intuito de melhorar a performance de notebooks de alto desempenho, as GeForce RTX série 30 apresentam tecnologias Max-Q de 3ª geração que utilizam IA e novas otimizações de sistema, tais como a tecnologia WhisperMode 2.0, que trabalham no gerenciamento da CPU, GPU e da temperatura e velocidade do ventilador, que resulta em melhor desempenho e menos calor; e a Dynamic Boost 2.0, que equilibra o poder entre CPU, GPU e agora, memória da GPU, dependendo de onde ela é mais necessária - otimizando constantemente para oferecer o desempenho máximo. 

8 - Jogue games exclusivos no PC
Há alguns anos, era quase impossível pensar em jogar jogos exclusivos de consoles sendo lançados no PC, no entanto, as coisas mudaram, e hoje esses grandes títulos, antes exclusivos, estão disponíveis no PC e com tecnologias da NVIDIA, como o NVIDIA DLSS, por exemplo. E como diferentes plataformas estão transportando seus jogos exclusivos para PC, pode se dizer que os computadores oferecem o que há de melhor. 

9 - É a plataforma mais barata
Num cenário onde os jogos estão subindo cada vez mais, o PC torna-se a plataforma mais acessível para os jogadores que querem gastar pouco. As diversas promoções de jogos garantem preços que não pesam no bolso do consumidor. 

10 - Liberdade para escolher seus acessórios favoritos
Usar apenas o teclado e mouse para jogar no PC é coisa do passado. Nos dias de hoje, vários periféricos são compatíveis com a plataforma, como diversos controles de conexão wireless ou Bluetooth. 

Para quem busca ainda mais imersão, o PC conta com diferentes volantes de simulação para jogos de corrida, manches para títulos de simulação de voo e diversos headsets que também são compatíveis com consoles.  

Agora que você sabe disso, confira as ofertas, clicando aqui.

Mais notícias


Publicidade