Publicidade

Gravidez e bebê

Quanto oferecer de água para o bebê por dia?

Descubra a partir de quantos meses você deve dar água para o bebê e qual é a medida ideal de líquidos para cada fase do seu filho

| ACidade ON -

Quanto oferecer de água para o bebê

Depois que o bebê completa 1 ano, muita coisa muda e a ingestão de água e outros líquidos é uma delas. Não que nos dias anteriores ao aniversário ele já não precisasse dessa mesma quantidade, mas a entrada nessa idade é um marco do crescimento e do aumento das necessidades.

Como não dá para saber quanto a criança ingere ao ser amamentada no peito, a regra dos líquidos vale para todas. Você deve oferecer ao longo do dia, para uma criança dessa idade, ao menos 1,3 litro e, de preferência, água, pura e simples.   

A água, aliás, é sua maior aliada e só não deve ser dada quando o bebê estiver em fase de aleitamento exclusivo, que vai até os 6 meses. Entre 7 meses e 1 ano, a oferta de água ainda deve ser controlada. O risco é de ela ocupar muito espaço na pequena barriga do bebê. O melhor é deixar lugar para o leite materno. Depois, use e abuse. 

Deixe sempre à mão de seu filho a bebida, para quando ele tiver sede. Um copo de aprendizagem 360o, que não deixa a água vazar, é perfeito para isso. Assim, você evita de molhar a casa inteira. Até os 3 anos de idade ele precisa ingerir esta mesma quantia de líquidos. 

Quanto de água e líquidos o bebê precisa em cada idade? 

  • Até 6 meses: o aleitamento exclusivo supre toda a demanda 
  • 7 aos 12 meses: 800 ml por dia 
  • 1 a 3 anos: 1,3 litro 
  • 3 a 8 anos: 1,7 litro 

Essa é uma medida padrão, mas fique atento aos sinais de que a criança precisa de mais líquidos.

Como saber se meu filho precisa beber mais água?
A forma mais fácil de verificar isso é pelo xixi. Se a urina estiver mais escura que o habitual e a fralda demorando muito mais para ser trocada, algo não vai bem. É preciso oferecer mais água. O cocô também é um bom termômetro: quanto mais duro, menos hidratada a criança está. 

Esses são os primeiros sinais. Mas uma desidratação mais grave, causada por febre, diarreia, vômito ou excesso de calor, vai resultar também em boca seca, lábios rachados, olhos fundos, afundamento da moleira (se ainda estiver aberta), sonolência, apatia, entre outros sintomas. Neste caso, recorra ao soro caseiro e ao médico.

Dá para substituir a água por suco?
Na verdade, não. O suco natural de frutas, aliás, só deve ser oferecido para o bebê depois que ele completar 1 ano de idade, e em pequena quantidade. Suco de caixinha e refrigerante, então, nem pensar! Quer saber quando e quanto dar de suco natural para seu filho? Leia o texto abaixo, que fala também sobre chás, água de coco e leite de vaca.

Lembre-se: até os seis meses de idade, o leite materno supre toda a quantidade de água que o bebê precisa para se hidratar. 

Quer saber mais? BabyHome tem uma newsletter gratuita, para você saber como seu bebê se desenvolve na barriga, semana a semana. Saiba como assinar aqui.

Publicidade

Gravidez e bebê

Como tirar e congelar leite materno
Gravidez e Bebê

Como tirar e congelar leite materno

Como é estar grávida em tempos de Covid-19
Gravidez e Bebê

Como é estar grávida em tempos de Covid-19

O desenvolvimento do bebê, semana 29
Gravidez e Bebê

O desenvolvimento do bebê, semana 29

Publicidade

Mais notícias


Publicidade