Aguarde...

ACidadeON

Lazer e Cultura

Poeta uruguaia Ida Vitale ganha o prêmio Cervantes, o Nobel da língua espanhola

| FOLHAPRESS

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A poeta uruguaia Ida Vitale, de 95 anos, foi anunciada nesta quinta (15) como a ganhadora do prêmio Cervantes, o Nobel das letras espanholas. Ela foi a quinta mulher a receber a lauda, no valor de 125 mil euros. Nascida em Montevidéu, Vitale tem uma obra caracterizada por poemas curtos, nos quais busca os sentidos das palavras e usa metalinguagem. Segundo o júri, o prêmio "valoriza a sua linguagem, uma das mais reconhecidas em espanhol". Criado em 1975 pelo Ministério da Cultura espanhol, o Cervantes reconhece a trajetória de um escritor que, com o conjunto de sua obra, contribuiu para enriquecer o legado hispânico. 

Veja também