Aguarde...

Lazer e Cultura

Arthur Aguiar admite ter traído Mayra Cardi e diz que relacionamento não era abusivo

| FOLHAPRESS

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Arthur Aguiar, 31, resolveu usar as redes sociais neste sábado (27) para comentar as acusações que sua ex-mulher, Mayra Cardi, 36, fez em um vídeo publicado esta semana. Ela o acusou de traição e de abuso psicológico."Só vim aqui porque fui acusado de coisas muito sérias. Fui acusado de ser um abusador. Nunca fui e nunca vou ser. Por respeito à minha filha, resolvi fazer esse vídeo", disse Aguiar na publicação. "A maior parte dos meus seguidores são mulheres e eu fui criado por mulheres. Tenho várias amigas. Elas jamais estariam do meu lado seu eu fosse o que foi retratado naquele vídeo."Ele admitiu, no entanto, ter traído a antiga companheira. "Eu traí ela e não me orgulho disso. Me arrependo muito. E minha ficha só caiu quando a casa caiu. Eu sei a vergonha que eu sinto de ter feito isso com ela e comigo. Eu também me traí. Mas abusador, não", afirmou."Eu nunca menosprezei ela, nunca bati, nunca gritei, nunca impedi ela. Eu não fui esse cara para ela. Em relacionamentos existem erros e acertos, e sei que meus acertos não são de interesse de ninguém. Assumo o que fiz e o que não me cabe eu não vou assumir."O ator chega a chorar na gravação, de pouco mais de dez minutos, e disse que não gosta de expor sua vida pessoal. Ele ainda destacou que haveria contradições no depoimento de Cardi e apontou supostas mentiras dela em relação ao término.De acordo com ele, não faria sentido, por exemplo, a empresária dizer que iria manter uma tatuagem com o nome de Aguiar se ele de fato foi abusivo: "Seu eu fui esse monstro abusador, como é que vai manter a tatuagem no corpo?".O ator também falou sobre a filha do casal, que se considera um bom pai e que foi proibido de ver a criança. "Ela me proibiu de ver a minha filha, de pegar as minhas coisas que estão na casa onde morávamos", afirmou.Cardi fez as declarações nesta sexta (26), também em um vídeo de cerca de dez minutos publicado nas redes sociais. Nele, ela disse que vivia uma relação abusiva e manipuladora. "Cansei de mentir para mim mesma", alegou a coach sobre a motivação da carta aberta aos seguidores e seu ex-companheiro.O fim do casamento dos dois foi anunciando no começo de maio. Eles estavam juntos desde 2017 e são pais de Sophia, de menos de dois anos.

Mais do ACidade ON