Publicidade

mundodosbichos

Dia Mundial do Meio Ambiente 2021 convoca movimento pela restauração de ecossistemas

Edição deste ano é sediada pelo Paquistão e faz um chamado urgente para reavivar nossos ecossistemas danificados

| Mundo dos bichos -

Comemorado todos os anos em 5 de junho, o Dia Mundial do Meio Ambiente é a principal data das Nações Unidas para sensibilizar e impulsionar ações para problemas ambientais urgentes da poluição marinha e o aquecimento global até o consumo sustentável e os crimes contra a vida silvestre. Desde a primeira edição, em 1974, o evento cresceu e se tornou uma plataforma global e de amplo alcance em mais de 100 países.


Este ano, o Dia Mundial do Meio Ambiente é sediado pelo Paquistão e tem como tema a "Restauração de Ecossistemas", com a campanha "Reimagine. Recrie. Restaure". A data também marca o lançamento oficial da Década das Nações Unidas da Restauração de Ecossistemas 2021-2030. As hashtags oficiais são #GeraçãoRestauração e #DiaMundialdoMeioAmbiente. As celebrações em todo o mundo acontecem com um híbrido de eventos digitais e presenciais.  


Restauração de Ecossistemas


Neste ano, o Dia Mundial do Meio Ambiente faz um chamado urgente para reavivar nossos ecossistemas danificados. Os seres humanos estão perdendo e destruindo as bases de sua sobrevivência em um ritmo alarmante. Mais de 4,7 milhões de hectares de florestas uma área maior do que a Dinamarca são perdidos todos os anos.

Como resultado, a perda dos ecossistemas está privando o mundo de reservatórios de carbono, como florestas e turfeiras. As emissões globais de gases de efeito estufa aumentaram por três anos consecutivos e o planeta está a caminho de uma mudança climática potencialmente catastrófica.

Ao reduzir a área de habitat natural para a vida selvagem, criamos as condições ideais para os patógenos incluindo o coronavírus se espalharem, algo que foi colocado em foco com o surgimento da COVID-19.  

 


Eventos globais

O Dia Mundial do Meio Ambiente 2021 é palco do lançamento da Década das Nações Unidas da Restauração de Ecossistemas: Um grito de guerra global para que todas e todos de governos a empresas e cidadãs e cidadãos façam sua parte na busca por um planeta ecologicamente equilibrado.

A Década das Nações Unidas da Restauração de Ecossistemas (2021-2030) foi lançada oficialmente por meio de um evento virtual global no dia 4 de junho. O evento contou com uma programação de alto nível e anúncios de compromissos com a restauração e a Década por celebridades, profissionais da restauração, lideranças comunitárias indígenas, cientistas e poetas. O evento contou com a participação do Secretário-Geral da ONU António Guterres, do Primeiro-ministro do Paquistão e anfitrião do Dia Mundial do Meio Ambiente Imran Khan, da Chanceler alemã Angela Merkel, do Presidente da República Democrática do Congo e Presidente da União Africana Felix-Antoine Tshisekedi, Primeira-Ministra de Barbados Mia Mottley e uma mensagem do Papa Francisco;

Além disso, neste mês de junho foi lançado o relatório global sobre a restauração: Tornando-se #GeraçãoRestauração: Restauração de ecossistemas para pessoas, natureza e clima. O relatório documenta como a restauração atende a múltiplas necessidades, o investimento financeiro necessário ao longo da década, e os retornos esperados para as pessoas e a natureza.

Como país anfitrião do Dia Mundial do Meio Ambiente 2021, o Paquistão está comemorando a conclusão de um bilhão de árvores plantadas como parte de sua campanha de 10 bilhões de árvores, e assumindo um grande compromisso voluntário no Desafio de Bonn. O país também celebra uma nova Área Marinha Protegida e o anúncio em torno do Financiamento da Natureza. Espera-se ainda o anúncio de uma Aliança Global pela Restauração de Ecossistemas, juntamente com outros países parceiros interessados.


O Dia Mundial do Meio Ambiente apresentará uma palestrante inspiradora neste ano, com a jovem poeta Jordan Sanchez. Nascida e criada no Bronx, cidade de Nova York, e de ascendência porto-riquenha, congolesa e togolesa, a jovem ganhou destaque pela primeira vez quando foi finalista do Climate Speaks Program, em 2019. Seus interesses são predominantemente em torno da justiça ambiental e dos impactos desproporcionais da mudança climática e da poluição sobre as pessoas negras, um tema mais relevante do que nunca em 2021. Embora o assunto seja pungente, Jordan tem a habilidade de enquadrá-lo em torno de soluções e com otimismo, como você pode ver em seu último poema: https://www.youtube.com/watch?v=JEoSPjv5Ai0.

Para mais atividades, navegue por essa extensa lista de eventos organizados pelo PNUMA e apoiadores, que inclui palestrantes de alto nível, painéis de especialistas, visitas virtuais, Embaixadores da Boa Vontade, Jovens Campeões da Terra, exibições de filmes, sessões de música e outros eventos acontecendo no Paquistão, país anfitrião do Dia Mundial do Meio Ambiente.


Eventos nacionais

O escritório do PNUMA no Brasil está organizando uma série de eventos nacionais em parceria com organizações parceiras:

Entre os dias 7 e 11 de junho, o PNUMA e organizações parceiras promoverão uma série de cinco webinários diários abordando a restauração de ecossistemas na perspectiva de diferentes biomas brasileiros:


Dia 7, segunda-feira: Amazônia. Em parceria com a CI-Brasil e Aliança pela Restauração na Amazônia.

Dia 8, terça-feira: Oceanos. Em parceria com a Campanha Mares Limpos.

Dia 9, quarta-feira: Mata Atlântica. Em parceria com a TNC Brasil e Coalizão Brasil Clima, Floresta e Agricultura.

Dia 10, quinta-feira: Cerrado. Em parceria com a WWF e Araticum.

Dia 11, sexta-feira: Pampa, Pantanal e Caatinga. Em parceria com a Sociedade Brasileira de Restauração Ecológica (SOBRE).

Além disso, o PNUMA está articulado com organizações de juventude, as quais irão promover sua própria agenda de atividades sobre a Década da Restauração voltadas para o público jovem. Esses eventos, que serão divulgados em breve, também farão parte da programação oficial do Dia Mundial do Meio Ambiente no Brasil.

No dia 11 de junho, PNUMA e FAO apoiarão o lançamento do primeiro e-book, de uma série de sete publicações sobre temas socioambientais, idealizadas pelos pesquisadores Maurício Lamano, Fernando Periotto e Alessandro Zabotto. As publicações são voltadas para a população brasileira que vive em cidades, pessoas que plantam e cuidam de árvores em seus quintais, contemplam a natureza urbana ou frequentam parques e praças públicas. Mais informações aqui.

O Instituto Alana, por meio TiNis (Tierra de Niñas, Niños y Jóvenes) e do Plant for the Planet, com apoio do PNUMA, lançará uma campanha ao longo de todo o mês de junho para fortalecer e estimular o contato e vínculo emocional das crianças com a natureza. Direcionada a famílias com crianças e educadoras e educadores, as TiNis estimulam a criação de espaços verdes para brincar, aprender e vivenciar. Saiba mais clicando aqui.

Ainda durante todo o mês de junho, o PNUMA apoiará atividades desenvolvidas pelo Grupo Cataratas em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, como uma série de lives entre os dias 5 e 12 de junho, lançamento de uma websérie, exposição temporária e doação de mudas de Mata Atlântica. Saiba como participar clicando aqui.

Para acessar a programação completa dos eventos e conferir como participar, clique aqui.

Para conferir relatórios e outras publicações lançadas pelo PNUMA, clique aqui.



Mais notícias


Publicidade