Aguarde...
ON Run

onrun

Número de corredores de rua aumenta nos últimos anos.

Estima-se que ao todo são aproximadamente 10 milhões de corredores de rua.

| ON Run

Numero de corredores de rua aumenta nos últimos anos. Crédito: Divulgação/Pixabay
De acordo com um levantamento da Federação Paulista de Atletismo, em 2016 foram realizadas 469 corridas, com cerca de 820 mil inscritos. No Brasil os números ainda são uma incógnita, chegando a ter mais de dois eventos no mesmo dia. Alguns organizadores migram seus eventos para os dias de semana, no período da noite, uma vez que os finais de semana já não comportam tantos eventos, em especial nas grandes capitais.  

Em outra importante pesquisa descrita no relatório Práticas Esportivas e Atividades Físicas, em parceria entre o ministério do esporte e a PNAD 2015, 24,6% da população afirma praticar corrida e caminhada com uma certa frequência. Vale destacar que estão incluídas pessoas que usam essas práticas para irem ao trabalho, lazer etc.  

Essa mesma pesquisa indica que 40% dos brasileiros são sedentários. Um outro dado interessante é que o ciclo social influencia na decisão do atleta, por esse motivo é necessário aumentar o número de praticantes, já que eles serão influenciadores dos sedentários, incentivando-os a praticar uma atividade física.  

Outro ponto interessante é sobre a participação das mulheres na corrida. Nos Estados Unidos, elas são a maioria na modalidade e esse movimento já está chegando ao Brasil com muita força. Apesar de atualmente termos mais homens correndo, o número de mulheres foi o que mais cresceu nos últimos anos.  

Em uma pesquisa feita pelo The State of Running 2019, que reuniu mais de 70 mil eventos entre 1986 a 2018, a constatação é a mesma. Pela primeira vez na história temos mais mulheres participando dos eventos de corrida. Em 2018, um estudo que se aprofundou em países da Europa, Ásia e Estados Unidos, constatou que 50,24% eram corredoras.  

Outra constatação é que a idade média dos participantes também aumentou, passando de aproximadamente 35 anos, em 1986, para aproximadamente 39 anos, em 2018. No Brasil ainda não temos o número preciso sobre a idade dos participantes, mas popularmente sabemos que por volta dos 40 anos as pessoas tendem a se preocupar mais com a saúde e iniciar mudanças positivas no seu estilo de vida, inserindo a prática esportiva.  

Segundo um dos principais organizadores de corrida de rua no Brasil, esse é o segundo esporte mais praticado no país, movimentando milhões de reais em estrutura, educação, material esportivo, nutrição, entre outros segmentos. Esses eventos geram emprego e renda para muitas pessoas, ficando atrás apenas do futebol, que por muitos estudiosos é considerado mais uma manifestação cultural do que um esporte.  

Na década de 80 e início dos anos 90, era fácil saber o número de participantes em uma determinada corrida de rua, principalmente a São Silvestre que publicava os resultados nos jornais. Nessa época, os corredores ficavam mais de uma semana comprando-os para saber a sua colocação na corrida.  

Com a chegada da tecnologia e o aumento no número de eventos, por incrível que pareça, ficou mais difícil saber a quantidade exata de participantes. Ainda assim, estima-se que ao todo são aproximadamente 10 milhões de praticantes de caminhada e corrida em todo brasil.



Mais do ACidade ON