Aguarde...
ON Run

onrun

Entenda o que é cadência e sua importância na corrida

Saiba qual a importância do número de passadas na corrida

| Especial para ON Run

Entenda o que é cadência e sua importância na corrida. Crédito: Divulgação/Pixabay

As variáveis biomecânicas da corrida são de interesse de muitos, inclusive já falamos de algumas aqui no site. Hoje a ideia é falar um pouco sobre comprimento da passada e cadência.  

Passada é o ciclo completo da marcha (dois passos) e cadência é o número de passos por minuto. Snyder e Farley (2011) nos mostraram que durante a corrida nosso corpo é capaz de se adaptar e adotar uma frequência ótima de passos ou cadência.   


Esse fenômeno foi descrito anteriormente por Alexander (1991), que apontou que a energia pode ser economizada durante a locomoção através de ajustes ótimos entre músculos e tendões, que atuam nas articulações controlando as forças externas. Snyder e Farley (2011) descobriram que a frequência da passada afetava o custo metabólico. Isso foi observado, principalmente, através da variação vertical do centro de massa, quando o atleta saiu da frequência ótima (cadência).  

Futrell et al. (2018) iniciam o estudo dizendo que, de acordo com a literatura, a cadência mais baixa está associada a altas taxas de carga vertical, porém ao examinarem esse fenômeno, comparando corredores lesionados e saudáveis, encontraram resultados que não apoiam essa noção. Este fato foi confirmado por Tenforde et al. (2019).  

Após essa breve pesquisa, podemos sugerir que mesmo sabendo que menores cadências estão associadas a maiores gastos energéticos, nosso corpo é capaz de adotar uma frequência de passos ótima então, não adianta correr (literalmente) atrás da cadência perfeita, existem variáveis mais importantes para serem trabalhadas.


Mais do ACidade ON