Publicidade

onrun

Há fórmula para o sucesso no atletismo? Treinador olímpico explica

O treinador olímpico, Cláudio Castilho, dá algumas dicas e explica que o treinamento não é uma ciência exata

| Especial para ON Run -

Há fórmula para o sucesso no atletismo? Treinador olímpico explica. Crédito: Arquivo pessoal
Cláudio Roberto de Castilho construiu uma sólida carreira como treinador olímpico de grandes atletas corredores de rua. Ele iniciou também como atleta, correndo uma prova de meio fundo em 1981.  

Em 1997, começou o trabalho como treinador de crianças em idade de formação, partindo para os atletas adultos apenas em 2003. Além disso, foi treinador do Esporte Clube Pinheiros, local onde permaneceu durante quase 24 anos.

Cláudio já treinou grandes nomes do atletismo, tais como: Adriana Aparecida da Silva, Ederson Vilela, Valdinei Santos Silva, Andreia Hessel, Tatiane Raquel Silva e muitos outros que conquistaram medalhas sob a orientação do técnico que é proprietário e Fundador da Assessoria Esportiva Saúde e Performance Atividade Física.

Alguns atletas que Castilho treinou. Crédito: arquivo pessoal.

Castilho conta quais são os principais erros que os atletas cometem durante sua trajetória esportiva. "Não seguir as orientações do treinador e não confiar no profissional que escolheu para o acompanhar. Outro erro frequente é não respeitar o processo e querer cortar o caminho.  

É necessário que o atleta entenda que o treinamento não é uma ciência exata, é necessário analisar o contexto todo, o que inclui alimentação, descanso físico e mental e etc. Não existe uma única fórmula e não dá para querer utilizar a mesma em todos os corredores achando que terá os mesmos resultados, é importante respeitar a individualidade", explica o técnico. 


Além disso, ele também dá algumas dicas para quem está em treinamento ou irá começar a praticar a corrida de rua com orientação de um treinador.  

"É necessário ter foco e entender que a partir do momento em que você decide entrar em um planejamento esportivo é um compromisso que você está assumindo.  

Você precisa se doar, pois há outras pessoas que dependem dos seus resultados, das suas vitórias e conquistas. Há toda uma equipe trabalhando em prol disso. Por isso, é necessário que o atleta tenha resiliência e não desista."

Mais notícias


Publicidade