Publicidade

onrun

Confira as atletas destaques em 2021 nas corridas de rua de 5 e 10km

Separamos um resumo do ano de 2021, das corridas de rua de 5 e 10 km e as principais atletas destaques do ano. Confira.

| ON Run -


Separamos um resumo do ano de 2021, das corridas de rua de 5 e 10 km e as principais atletas destaques do ano. (Foto: Divulgação).
Neste texto, falaremos sobre as mulheres mais rápidas do mundo na corrida de rua. Vale destacar que as distâncias dos 5 e 10km realizados na rua ou em estrada, foram reconhecidas como distâncias oficiais e tendo suas marcas validadas como recorde mundial recentemente.

Por esse motivo, é muito comum ver os recordes nessas distâncias sendo batidos com mais frequência.

Dando sequência à nossa série com os melhores do ano, destacamos agora as provas de rua começando com as meninas nas distâncias dos 5 e 10km na rua. 

5 km e 10 km femininos 

Lista das melhores da temporada - 5km 

Lista das melhores da temporada - 5km (ON RUN).
Lista das melhores da temporada - 10km
 

Lista das melhores da temporada - 10km (ON RUN).
Resumo da temporada 

Ambas as categorias de recordes mundiais para eventos de estrada femininos - mistos e exclusivamente femininos - foram quebrados nos 5km e 10km deste ano.  O primeiro recorde mundial veio no Mônaco 5K em meados de fevereiro, quando a campeã mundial de obstáculos do Quênia, Beatrice Chepkoech, tirou cinco segundos do recorde mundial de uma corrida mista, ou seja, com a participação de homens e mulheres, marcando 14:43.

Nos meses que se seguiram, a britânica Beth Potter e a norueguesa Karoline Bjerkli Grovdal produziram tempos mais rápidos do que a marca de Chepkoech, mas suas atuações não puderam ser ratificadas como um recorde mundial. Potter marcou 14:41 em Barrowford, mas não havia funcionários suficientes (para fins de ratificação) e nenhum controle de doping. Grovdal correu 14:39 em Disena, mas descobriu-se que o percurso era de 12,5 metros. 

Mas em setembro em Herzogenaurach, Senbere Teferi da Etiópia foi a mais rápida nos 5 km da história. Em uma corrida só para mulheres, que geralmente são mais lentas do que corridas mistas, já que as corredoras não têm o benefício de correr ao lado de homens mais rápidos, Teferi marcou 14:29 para quebrar o recorde mundial feminino de Sifan Hassan em 15 segundos. A marca ainda está pendente de ratificação. 

No mesmo evento em Herzogenaurach, Agnes Tirop do Quênia - que morreu tragicamente semanas depois - estabeleceu um recorde mundial apenas para mulheres em 10 km, marcando 30:01. 

Apenas três semanas depois, a barreira dos 30 minutos foi quebrada em duas corridas diferentes no mesmo dia. Kalkidan Gezahegn, medalhista de prata olímpica de 10.000 m do Bahrein, estabeleceu um recorde mundial de corrida mista de 29:38 em Genebra, batendo Tirop (30:20) e Celliphine Chespol (30:28). Pouco mais de uma hora antes, a queniana Margaret Kipkemboi marcou 29h50 em Valência para vencer as compatriotas Norah Tanui (30h08) e Sandra Tuei (30h45). 

Um evento similar aconteceu em Lille no início de novembro, onde Dawit Seyaum marcou 14:39 em 5 km - o que não pôde ser ratificado como um recorde mundial, pois seu teste de controle de doping aconteceu no dia seguinte - e Chespol venceu os 10 km em 30:19. 

Parece haver um aumento acentuado na popularidade de eventos de estrada mais curtos entre os atletas de elite, com muitos especialistas em pista, agora dedicando grande parte de sua temporada fora da pista a eles. 

Os desempenhos alcançados neste ano levaram a uma maior participação nas listas mundiais de todos os tempos; mais de um terço das 20 melhores marcas de todos os tempos em 10 km foram alcançadas em 2021. Cinco das seis performances de 5 km mais rápidas de todos os tempos também foram registradas este ano.

Mais notícias


Publicidade