Publicidade

onrun

Qual o próximo passo após receber o treino na corrida de rua?

É no início que o corredor precisa definir qual será seu objetivo na corrida de rua e como deseja alcançá-lo. Veja qual o próximo passo após receber o treino.

| ON Run -

É no início que o corredor precisa definir qual será seu objetivo na corrida de rua e como deseja alcançá-lo. (Foto: Freepik).
Você está a muito tempo ensaiando o início na corrida? Pois antes de tudo, saiba que existe uma grande diferença entre correr de verdade e apenas sair correndo. Vamos explicar! 

Corredor que sai correndo: é quando os atletas ou a pessoa que corre faz suas atividades de forma amadora, não como corredor amador, mas de forma improvisada, por exemplo, no dia que dá para correr, vai, mas quando não dá, não corre.
Gosta apenas dos treinos mais fáceis e vive fazendo as corridinhas básicas, seguindo os seus instintos. Acaba sempre convivendo com algumas lesões, adora se inscrever em todo tipo de corrida, mas sem treinar de forma adequada.

Corredor de verdade: Tem um professor e segue orientações, sabe o que quer com a corrida, entende que cada treino faz parte de algo maior, tendo dias em que o treino é mais suave e outros dias em que o treino deve ser mais forte. 

Este corredor sabe que sua evolução vai acompanhando o seu objetivo, sabe qual é seu pace em um treino fraco e em um treino forte, atinge seus objetivos de forma segura e sabe que não precisa melhorar o tempo em cada treino. 

Ele participa das provas sabendo que algumas fazem parte da sua preparação para algo maior, sabe que treino é treino, competição é competição e ponto final. Sabe o que precisa fazer e só precisa de um professor para o orientar. 

Agora que você entendeu um pouco a diferença entre quem é um corredor ou quem sai correndo, fica mais fácil de se identificar. 

Segundo o professor Ronaldo Dias, a relação aqui não é para dizer quem está certo ou errado, é apenas para te ajudar a entender que existem esses dois perfis muito bem desenhados entre os praticantes de corrida. 

Assim, você vai se preparando para saber em qual tribo você se encontra e, principalmente, de repente até migrar de uma para outra. 

A decisão será sempre do praticante de corrida, talvez iniciar como quem sai correndo pode ser o mais indicado, é na verdade é o que mais acontece, mas é muito importante que você faça a sua escolha o quanto antes. 

Isso porque se você quer ter a corrida a médio e principalmente a longo prazo, precisará se tornar um corredor de verdade o quanto antes. 

Só correndo de forma segura e com orientação você aumentará significativamente as chances de ter a corrida no momento que, segundo nosso especialista é o mais importante, que é na melhor idade, a partir dos 50, 60 anos em diante. 

E não apenas por manter uma atividade física e os benefícios para saúde já descritos na literatura, mas também por questões de socialização, afinal nessa fase o ritmo de trabalho diminui muito, algumas pessoas já estão aposentadas e o ciclo social diminui muito. 

Por isso, se você está recebendo orientação e tem as suas planilhas de treino é importante seguir e entender em qual momento você está. 

Se você tem um professor e um treino devidamente prescrito é porque você está pronto para treinar e se tornar um atleta de verdade! 

Confira também: Qual a melhor planilha de treino? Confira tudo que você precisa saber.

Mais notícias


Publicidade