ACidadeON

Política

PT confirma novos nomes na coordenação da campanha presidencial

eleições 2018 Lula PT equipe

| Estadao Conteudo

No mesmo dia em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou carta dizendo que já não tem razões para acreditar que terá "justiça", o PT confirmou a incorporação de novos nomes à coordenação da campanha presidencial da sigla.

Reunida em Brasília nesta terça-feira, 3, a Executiva Nacional petista informou que o ex-presidente da Petrobras Sergio Gabrielli assumirá como coordenador geral da campanha. O ex-ministro Ricardo Berzoini vai coordenar as finanças da candidatura petista. Além deles, os ex-ministros Luiz Dulci e Gilberto Carvalho e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, também foram indicados para a compor a equipe.

O ex-prefeito da capital paulista Fernando Haddad, tido como "plano B" do PT para a disputa presidencial, continua como coordenador do programa de governo. Recentemente, Haddad se integrou à equipe de advogados do ex-presidente, o que lhe dará acesso livre ao petista na prisão.

As indicações para a coordenação da campanha foram atribuídas ao próprio Lula. Todos os nomes apresentados já vinham participando de reuniões do chamado "conselho político", montado para conduzir a estratégia eleitoral da legenda.

A Executiva do PT também aprovou um calendário de mobilizações em defesa da liberdade do ex-presidente e do direito de ele ser candidato ao Planalto. O partido promete organizar uma "marcha" em Brasília para marcar, no dia 15 de agosto, o registro da candidatura de Lula no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Cadastrados

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)
Comentário (obrigatório)
0 comentários