Aguarde...

Noticias

Governo estuda acabar com tomadas de três pinos no Brasil

Assunto foi incluído na pauta do Planalto e é defendido pelo presidente Jair Bolsonaro; órgão técnico fala em retrocesso

| ACidadeON/Ribeirao

 

Tomada de três pontos pode estar com os dias contados (Foto: ACidade ON)

O governo Jair Bolsonaro retomou os estudos para acabar com as tomadas de três pontos no Brasil, implantadas em 2011, e já analisa os impactos econômicos que a mudança traria mesmo com a resistência de alguns órgãos, como a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).  

O motivo seria as críticas constantes da população ao formato e diferenciação do usado na maioria dos Países. Porém, questões de segurança são destacadas por técnicos.  

Segundo entrevista dada pelo diretor da ABNT, Guilherme Toltoy, a Revista Exame, o atual padrão anula os riscos de usuários serem eletrocutados.   

"Seria caótico mudar isso", completa o especialista, ao definir a proposta já incluída na pauta do Planalto como um "retrocesso".  

Enquanto a associação fala sobre o investimento feito para este modelo de tomada em construções e fabricantes de eletrodomésticos e produtos elétricos, o governo visa ressalta a dificuldade de entrada desses equipamentos, mas na versão importada, ao longo desses anos.


Mais do ACidade ON