Aguarde...

ACidadeON

Voltar

colunistas e blogs

O gato subiu no telhado

já se sabe que Rodrigo Maia vai empurrar com a barriga o anteprojeto de lei que permitiria aos clubes a transformação para empresas

| ACidade ON

(São Paulo) Agora é definitivo. Apesar dos protestos do relator Pedro Paulo, do Rio de Janeiro, já se sabe que Rodrigo Maia vai empurrar com a barriga o anteprojeto de lei que permitiria aos clubes a transformação para empresas.  

Como foi comentado aqui na coluna, vários presidentes de clubes não concordam com a coerente decisão de responsabilizá-los civil e penalmente em algumas decisões tomadas na gestão, especialmente a financeira. Os cartolas também não estão de acordo com o pagamento de impostos, além de outros penduricalhos que moralizariam a legislação esportiva.  

Quando o povo protesta contra o Congresso Nacional e o STF, deixa de lado outros segmentos importantes da vida nacional. O futebol é um deles. Diferente de poucos abnegados e idealistas, o que se vê é muita bandalheira na gerência de clubes. E os caras não querem colocar ordem na casa. Nem perder a boquinha.

Carille

Diferente de 2017 a torcida do Corinthians está de bronca com o técnico. A campanha deste ano no Brasileiro está aquém dos sonhos corintianos. Já se fala na eminente demissão de Carille.  

A diretoria do Corinthians está certa. Garante que vai manter o treinador para 2020, como também já começou o planejamento para o próximo ano contando com a sua coordenação.  

Não sei se os cartolas vão segurar essa onda. Até porque eles sabem que apesar do estilo "carileano" de jogo defensivo que não agrada, especialmente quando perde, não há razão para mexidas.  

A pressão da torcida pode crescer nos próximos jogos, até porque não se vislumbra uma melhora nos resultados nesta fase final do Brasileiro.  

O tempo é o senhor da razão. Os dirigentes não são de confiança e não sei se os corintianos vão segurar essa bronca. Mas concordo que pouco vai melhorar a mudança de treinador.


Mais do ACidade ON