Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

boa

Postura profissional: Você é a sua melhor marca

Por vezes, nos sentimos tão confortáveis no trabalho que até pensamos que estamos em casa; É nessa hora que temos posturas que nos prejudicam

| ACidadeON/Ribeirao



José Eduardo Fernandes é mestre em Educação da FAAP Ribeirão Preto (Foto: Divulgação)
Por vezes, nos sentimos tão confortáveis no trabalho que até pensamos que estamos em casa. É nessa hora, com esse excesso de bem-estar, que acabamos adotando condutas que nos prejudicam. Assim como qualquer hábito, precisamos estar de olhos abertos para não exceder os limites.

Mas, afinal, o que é postura profissional? Trata-se de um conjunto de características e atitudes que devem ocorrer dentro da empresa. Ética, hábitos, habilidades, competências, conhecimentos, comportamentos. Tudo isso representa sua postura.

Importante lembrar que não é porque alguém é sério e reservado que sua postura profissional seja positiva. No entanto, muitas vezes encontramos colegas e chefes com uma postura realmente arrogante. Ser extrovertido, por exemplo, é apenas um espectro do perfil comportamental do indivíduo.

Independente de ser mais ou menos expansiva, é a forma como a pessoa se comporta no trabalho que realmente dirá a verdade sobre sua postura profissional. Por isso, esteja sempre atento às suas atitudes dentro e fora da empresa, com seus colegas, gestores, fornecedores, parceiros sócios e, principalmente, clientes.

Procure respeitar o espaço do outro, focar em suas demandas e tarefas, participar dos resultados, desenvolver suas habilidades e competências, agregar e compartilhar experiências. Reflita sobre qual postura profissional você quer e por quais comportamentos você deseja ser lembrado em sua empresa e no mercado também.

Para isso, ficam aqui 13 dicas para melhorar sua postura profissional:

1. Pontualidade: deve ser ponto de honra no ambiente empresarial. Assumindo compromisso, este se torna sua responsabilidade, principalmente o horário. 

2. Vestimenta: diz muito para as outras pessoas. Assim, é recomendável roupas discretas, sem modismos.  

3. Cordialidade: o ditado "a primeira impressão é a que fica" deve ser levado a sério. Por isso, sempre seja cordial e prestativo já no primeiro contato.  

4. Educação: sempre peça licença ao entrar em um local. Busque cumprimentar todas as pessoas presentes, mas só estenda a mão se o interlocutor o fizer primeiro, e só se sente se for convidado por ele. 

5. Comunicação: procure se comunicar corretamente com as pessoas, busque olhar nos olhos, demonstre atenção no que estão falando, não se distraia durante a conversa e tente estabelecer um diálogo.  

6. Postura: mantenha uma postura correta, não cruze os braços, evite se sentar de qualquer jeito, jogando o corpo na cadeira, como também não se sente na beirada da cadeira.  

7. Ética: a maioria das corporações possui códigos de ética e de conduta a ser seguido.  

8. Respeito: respeite os colegas e o espaço de trabalho. Não precisa ficar mudo durante o expediente, mas evite assuntos que exponham o seu lado pessoal ou de alguma outra pessoa.  

9. Celulares: cuidado com a utilização de celulares no trabalho. Evite ligações pessoais e, caso ocorram, busque ir para um local privado.  

10. Tecnologia: além do celular, também é necessário cuidados com outras ferramentas tecnológicas e, principalmente, com as redes sociais.  

11. Amizades: no ambiente de trabalho, é um tema delicado. É importante diferenciar amigos de colegas de trabalho, principalmente dentro da empresa.  

12. Bom humor é uma necessidade nas empresas. Um ambiente de trabalho descontraído é positivo, desde que sejam feitas apenas brincadeiras saudáveis.  

13. Busque ter "jogo de cintura" na hora de imprevistos e ouça a opinião dos outros. Muitas vezes, com opiniões divergentes se chega a um ponto em comum. 


*José Eduardo Fernandes é mestre em Educação, professor da FAAP Ribeirão Preto e gestor de Recursos Humanos

Mais do ACidade ON