Aguarde...

Religações de fornecimento de água por quitação de débito

Confira a análise no texto do professor Vicente Golfeto

| ACidadeON/Ribeirao

Vicente Golfeto, colunista do ACidade ON (Foto: Mastrangelo Reino / Arquivo A Cidade)
    Mensalmente, há mais de trinta anos consecutivos e ininterruptos, colhemos informações diretamente no Daerp. A autarquia, justiça seja feita, nunca impediu o conhecimento desses números valiosos, o que nos tem permitido também ter uma visão histórica desta realidade fundamental quando se quer analisar o item saneamento básico nos dias de hoje.
    Nesta data, e neste espaço, divulgamos números relativos às religações de fornecimento de água por quitação de débito. O quadro abaixo traz à tona a quantidade dessas religações sempre no período de janeiro a setembro dos exercícios de 2008 a 2020. 


    Fica claro um fato: nos primeiros sete anos dos treze exercícios econômicos considerados, de 2008 a 2013, eram muito maiores as religações de fornecimento de água do que as verificadas dos exercícios imediatamente posteriores. Estamos falando de 2014 a 2020. O pequeno aumento verificado no biênio 2019/2020 não foi suficiente para trazer de volta os números de 2008 a 2014. É fácil constatar esta realidade.
    De qualquer forma, há indícios de forte inadimplência no pagamento mensal das tarifas mas também na redução na quitação de débitos tanto nos sete primeiros exercícios como nos seis últimos. Depende da maneira como se prossegue a investigação e a análise.

Mais do ACidade ON