À BEIRA DO DESABAMENTO - Devido à infiltração, o forro de madeira do Salão Nobre está apodrecendo e há o risco de desabamento do teto (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
À BEIRA DO DESABAMENTO -
Devido à infiltração, o forro de madeira do 
Salão Nobre está apodrecendo e há o risco 
de desabamento do teto (foto: Weber Sian / A Cidade)
DESGASTE - A madeira das janelas que não foram destruídas pelos cupins estão carcomidas pela ação do tempo; última reforma no prédio foi há 25 anos (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
DESGASTE - 
A madeira das janelas que não foram destruídas 
pelos cupins estão carcomidas pela ação do tempo; última reforma no prédio foi há 25 anos (foto: Weber Sian / A Cidade)
INFILTRAÇÃO E MOFO - (foto: Weber Sian / A Cidade) Algumas paredes do prédio estão entregues à infiltração, o que espalha bolor e um mau cheiro de mofo pelo ambiente 1 | 8
INFILTRAÇÃO E MOFO - (foto: Weber Sian / A Cidade)
Algumas paredes do prédio estão entregues 
à infiltração, o que espalha bolor e um mau 
cheiro de mofo pelo ambiente
CORROÍDO POR CUPINS - Teto do salão nobre está danificado pela infestação de cupins e por infiltrações; segundo funcionários, quando chove as goteiras tomam conta do espaço (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
CORROÍDO POR CUPINS - 
Teto do salão nobre está danificado pela infestação 
de cupins e por infiltrações; segundo funcionários, quando chove as goteiras tomam conta do espaço  (foto: Weber Sian / A Cidade)
SOFÁ DESTRUÍDO - No Salão Rosa, nem mesmo a mobília escapou da degradação; o estofado do sofá está todo rasgado (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
SOFÁ DESTRUÍDO -
No Salão Rosa, nem mesmo a mobília 
escapou da degradação; o estofado do 
sofá está todo rasgado (foto: Weber Sian / A Cidade)
PISO PERIGOSO - A existência de pisos quebrados é uma verdadeira armadilha para quem circula pelo local; risco de queda e acidentes à vista (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
PISO PERIGOSO - 
A existência de pisos quebrados é uma 
verdadeira armadilha para quem circula pelo
local; risco de queda e acidentes à vista (foto: Weber Sian / A Cidade)
FIAÇÃO ARRISCADA - Por todo prédio há fiação elétrica aparente; sinal de que sistema elétrico do espaço está imcompatível com as necessidades da Prefeitura (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
FIAÇÃO ARRISCADA -
Por todo prédio há fiação elétrica aparente; sinal
de que sistema elétrico do espaço está imcompatível com as necessidades da Prefeitura (foto: Weber Sian / A Cidade)
INFILTRAÇÃO E MOFO - Não é preciso entrar no Palácio do Rio Branco para perceber o estado precário que o prédio se encontra; mofo e infiltração estão estampados até na fachada (foto: Weber Sian / A Cidade) 1 | 8
INFILTRAÇÃO E MOFO -
Não é preciso entrar no Palácio do Rio Branco para perceber o estado precário que o prédio se encontra; mofo e infiltração estão estampados até na fachada (foto: Weber Sian / A Cidade)
À BEIRA DO DESABAMENTO -
Devido à infiltração, o forro de madeira do 
Salão Nobre está apodrecendo e há o risco 
de desabamento do teto (foto: Weber Sian / A Cidade)
DESGASTE - 
A madeira das janelas que não foram destruídas 
pelos cupins estão carcomidas pela ação do tempo; última reforma no prédio foi há 25 anos (foto: Weber Sian / A Cidade)
INFILTRAÇÃO E MOFO - (foto: Weber Sian / A Cidade)
Algumas paredes do prédio estão entregues 
à infiltração, o que espalha bolor e um mau 
cheiro de mofo pelo ambiente
CORROÍDO POR CUPINS - 
Teto do salão nobre está danificado pela infestação 
de cupins e por infiltrações; segundo funcionários, quando chove as goteiras tomam conta do espaço  (foto: Weber Sian / A Cidade)
SOFÁ DESTRUÍDO -
No Salão Rosa, nem mesmo a mobília 
escapou da degradação; o estofado do 
sofá está todo rasgado (foto: Weber Sian / A Cidade)
PISO PERIGOSO - 
A existência de pisos quebrados é uma 
verdadeira armadilha para quem circula pelo
local; risco de queda e acidentes à vista (foto: Weber Sian / A Cidade)
FIAÇÃO ARRISCADA -
Por todo prédio há fiação elétrica aparente; sinal
de que sistema elétrico do espaço está imcompatível com as necessidades da Prefeitura (foto: Weber Sian / A Cidade)
INFILTRAÇÃO E MOFO -
Não é preciso entrar no Palácio do Rio Branco para perceber o estado precário que o prédio se encontra; mofo e infiltração estão estampados até na fachada (foto: Weber Sian / A Cidade)