Aguarde...

Cotidiano

Covid-19: HC volta a ficar sem leitos de CTI em Ribeirão Preto

A taxa de ocupação de leitos ficou em 100% novamente no hospital que é referência no tratamento da covid-19

| ACidadeON/Ribeirao

Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto (Foto: Renato Lopes/Especial)
 

Nesta segunda-feira (13), o Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto voltou a atingir a lotação máxima de leitos de CTI e não tem uma única vaga de internação disponível na ala reservada para o tratamento da covid-19.  

O painel interativo de ocupação, disponibilizado pela direção do centro médico e atualizado às 10h, mostra que as unidades do Campus da USP e do Centro têm, juntas, 65 camas de terapia intensiva destinadas à pacientes contaminados pelo novo coronavírus. Todas estão cheias.  

Essa é a primeira vez em quatro dias que o HC atinge, novamente, 100% da taxa de ocupação de leitos na cidade. A última foi na quinta-feira (9), quando 64 pessoas estavam internadas com sintomas graves da doença.  

Um novo leito foi aberto neste período e há a expectativa de mais oito serem disponibilizados.  

LEIA MAIS
Ribeirão Preto confirma mais duas mortes por covid-19
Doença cardíaca é a principal comorbidade de mortos por covid  

Na enfermaria, 94% da capacidade total de vagas de internação estão ocupadas nesta segunda (13) o número também é referente a ambos os hospitais. O painel interativo revela, ainda, que há 50 camas disponíveis e 47 delas estão cheias.  

Todos os dados foram contabilizados pelo Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto e competem ao setor de atendimento adulto. Na pediatria da covid-19, apenas um leito de CTI e um de enfermaria estão ocupados.

Mais do ACidade ON