Aguarde...

Cotidiano

Ribeirão Preto tem 11,6 mil pessoas curadas da covid-19

Segundo o secretário da Saúde de Ribeirão Preto, Sandro Scarpelini, o crescimento de casos de covid-19 na cidade tem desacelerado

| ACidadeON/Ribeirao

Testes rápidos ficam prontos em poucos minutos. (Foto: Denny Cesare/Código 19)
 
Ribeirão Preto já tem 11,6 mil pessoas curadas do novo coronavírus (covid-19), segundo o secretário da Saúde Sandro Scarpelini. O dado é referente ao dia 26 de julho, o último com números registrados pela pasta, conforme o secretário que foi ouvido pela Câmara Municipal em reunião pública na tarde desta terça-feira (28).  

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE RIBEIRÃO PRETO  

Desde o dia 21 de março, quando foi registrado o primeiro caso de covid-19 em Ribeirão Preto, 12,4 mil pessoas já foram diagnosticadas pelo coronavírus, sendo que 336 pessoas morreram em decorrência da covid-19.  

Scarpelini explicou que a metodologia utilizada para se chegar ao número, leva em consideração a totalidade de casos confirmados, com a exclusão do número de mortes, quantidade de pessoas internadas e de pacientes que testaram positivo para covid-19 nos últimos 14 dias, que estão se recuperando em casa.  

"Não é um número preciso, mas é um número", afirmou o secretário, que declarou que solicitou que essa fórmula fosse incluída na plataforma leitoscovid.org, adotada pelo município desde a última sexta-feira (24), para auferir a quantidade de leitos hospitalares disponíveis para o combate do novo coronavírus.  

Situação da covid-19 em Ribeirão
 
Durante a reunião no Legislativo, Sandro Scarpelini afirmou que a situação da pandemia em Ribeirão Preto "está longe de ser a pior cidade no Brasil". Ele destaca os números de mortalidade na cidade, que ele considera baixo na comparação com outras cidades do mesmo porte - o índice de mortalidade de Ribeirão Preto é de 2,7%.  

"Chegamos em um platô de crescimento, que ainda não parou de crescer, mas já está diminuindo a velocidade", disse Scarpelini.  
 
Leia mais: 
Grupo leva diversão aos pacientes com covid pelo computador
 
 
Santa Lydia não é exclusivo de covid-19, diz Scarpelini


Mais do ACidade ON