Aguarde...

cotidiano

Moradora deixa casa após fogo em mato avançar na zona Sul

'Assustador', relatou a farmacêutica Daniela Bernardi sobre incêndio de grandes proporções em área perto de condomínios nesta sexta (18), em Ribeirão Preto

| ACidadeON/Ribeirao

Fumaça de incêndio invadiu condomínio nesta sexta-feira (18) (Foto: Rede social)
 

Um incêndio de grandes proporções nesta sexta-feira (18) em uma área com mato, localizada nas proximidades de condomínios da zona Sul de Ribeirão Preto, leva pânico aos moradores.

Equipes do Corpo de Bombeiros com apoio do helicóptero Águia da PM (Polícia Militar) atuam no combate às chamas. Não há, contudo, informações sobre vítimas nem a extensão da área atingida.   

A farmacêutica Daniela Spuri Bernardi, de 39 anos, moradora do Residencial Terras de Siena, na Vila do Golfe, afirmou que  precisou deixar a casa com os três filhos por conta do forte cheiro de fumaça.

LEIA MAIS - Incêndio atinge área de condomínios na zona Sul de Ribeirão

"Foi assustador. Tinha muito cheiro de fumaça na casa. Vimos o fogo se aproximando e resolvi sair com meus filhos", relatou a moradora, que já estava em um lugar mais seguro quando falou com o ACidade ON. O filho mais novo de Daniela tem 4 anos de idade.

Ela ainda contou que, por conta do vento, o fogo de se espalhou rapidamente pelo mato seco na região.

"Eu achava que era terra que o vento estava levantando, mas era a fumaça do incêndio", disse.  

O morador Matheus Lorençato, 41, contou que ao menos dois caminhões-pipas foram alugados pelo condomínio para combater o fogo, que também atingiu uma Área de Preservação Permanente (APP) no interior do residencial.

"Foi desesperador. Eu nunca vi isso na minha vida. Os moradores ao lado do muro chegaram a abandonar as casas porque não tinha condições. Chegamos a pegar mangueiras para apagar focos em terrenos que ainda não tem casas construídas", disse. 



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON