Aguarde...

cotidiano

Após clientes atacarem fiscais, bar é lacrado em Ribeirão

Ação da Fiscalização Geral aconteceu na noite desta sexta-feira (18); proprietários afirmam que vão recorrer

| ACidadeON/Ribeirao

Bar onde toda a polêmica aconteceu no último dia 5 de setembro (Imagem: EPTV / Reprodução)
 
O bar localizado no bairro Sumarezinho, na zona Oeste de Ribeirão Preto, onde ocorreram as ofensas contra fiscais da prefeitura por parte de frequentadores, no último dia 4 de setembro, foi lacrado por equipes do departamento da Fiscalização Geral, na noite desta sexta-feira (18).  

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE RIBEIRÃO PRETO
 
A reportagem do ACidade ON apurou que a medida foi tomada por irregularidades apontadas pelos fiscais na ocasião. Eles informaram que houve desrespeito do decreto municipal que regulamentava a retomada das atividades naquela ocasião.  

Entre as irregularidades apontadas pela Fiscalização Geral, estava o funcionamento com capacidade acima de 40% do limite de pessoas no espaço, realização de apresentações com música ao vivo e constatação de pessoas sem máscara e que não estavam consumindo.  

A decisão judicial que permitiu a lacração do bar foi concedida pela Justiça nesta semana. De acordo com fontes ouvidas pela reportagem, havia frequentadores no bar, mas a ação aconteceu com tranquilidade. A medida contou com apoio da Guarda Civil Metropolitana e da Polícia Militar.  

Outro lado
 
Em contato com a EPTV, os proprietários do estabelecimento disseram que eles não foram informados do motivo da lacração do bar e declararam que vão recorrer da medida na Justiça. No início do mês, após o incidente, os sócios do bar emitiram um comunicado se desculpando sobre a confusão.  

"Os sócios pedem desculpas a toda a sociedade e aos demais poderes envolvidos e se comprometem a ampliar esforços no sentido de evitar, não só aglomerações, como qualquer comportamento que desrespeite as medidas sanitárias exigidas na contenção da propagação do novo coronavírus, além de estarmos atentos ao cumprimento das normas do município", declararam em comunicado.  

Leia mais:
Visita da fiscalização em bar da zona Oeste termina em confusão  

Ataque a fiscais começa a ser investigado pelo MP na terça  

Após repercussão, sócios de bar de Ribeirão pedem desculpas

Mais do ACidade ON