Aguarde...

cotidiano

Tchau, Bambi: viagem até santuário deve durar 35 horas

A elefanta Bambi deixou o Bosque e Zoológico Fábio Barreto, em Ribeirão Preto, na tarde desta quinta-feira (24)

| ACidadeON/Ribeirao

Bambi inicia viagem para santuário no Mato Grosso (Foto: reprodução/EPTV)
 
A viagem da elefanta Bambi para o Santuário de Elefantes Brasil, na Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso, deve durar 35 horas. Bambi deixou o Bosque e Zoológico de Ribeirão Preto às 17h30, desta quinta-feira (24) - veja o vídeo abaixo. O percurso tem 1,2 mil quilômetros de distância.  

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE RIBEIRÃO PRETO
 
A elefanta de 58 anos de idade entrou na caixa de transporte depois de três dias de tentativas de biólogos e veterinários, por volta das 15h, desta quinta. Toda a preparação para o transporte já havia começado na semana passada. A expectativa que a chegada no santuário aconteça no sábado (26).  

Durante todo o trajeto, um veterinário vai monitorar e cuidar da Bambi. A caixa de transporte construída para acomodar o animal tem 18 janelas para circulação do ar e telhado para não entrar chuva ou muita luz do Sol.  

"As paradas, não temos um número definido, justamente porque quem dita o ritmo da viagem é a própria Bambi. Da mesma forma, quem ditou o ritmo do fechamento da própria caixa de transporte foi a própria Bambi. São práticas éticas que os santuários adotam de ir no tempo do animal e não adaptar o animal no tempo dos seres humanos", explicou o biólogo Daniel Moura, diretor do santuário.  

Bambi vivia no zoológico de Ribeirão Preto desde 2014, depois de passar boa parte da vida em um circo. O bosque Fábio Barreto conta, também, com a elefanta Maison, que vive no zoológico desde 2011 e permanecerá em Ribeirão Preto (com EPTV).    

VEJA O VÍDEO:
 

Leia mais:
Bambi começa viagem rumo ao santuário dos elefantes



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON