Aguarde...

cotidiano

Entregadores de aplicativo montam grupo de doações em Ribeirão

Mais de 800 saquinhos de guloseimas foram montados e doados por motoqueiros de aplicativo no Dia das Crianças, em Ribeirão Preto

| ACidadeON/Ribeirao

 

 
O grupo Moto APP 016, montado há três anos para estreitar a relação entre motoqueiros que trabalham para aplicativos de compras e entregas em Ribeirão Preto, cresceu e tornou-se não apenas uma ferramenta de contato, mas, também, de fazer o bem.  

Prova disso é a ação realizada por aproximadamente 150 integrantes da iniciativa, na última segunda-feira (12), data em que são celebrados o feriado de Nossa Senhora Aparecida e Dia das Crianças, em pelo menos cinco comunidades da cidade.  

Com a mochila nas costas, usada na maioria das vezes para trabalhar, Luiz Paulo Ferreira aparece no vídeo acima, feito em apenas uma das paradas de solidariedade, e é responsável por grande parte das ideias.  

Ao ACidade ON, ele contou nesta quarta-feira (14) que 800 saquinhos recheados de guloseimas e brinquedos arrecadados ao longo das últimas semanas foram doados à pequenos moradores de bairros carentes no feriado passado, além dos sentimentos de atenção e cuidado. 
  
As lembranças tinham pipocas, balas e chocolates no interior - fora as cestas básicas que são distribuídas mensalmente com a colaboração e rede de apoio dos participantes.  

"A ação surgiu há bastante tempo, no natal de 2017, e acabou dando certo. Fazemos, em média, quatro dessas por ano - só dessa vez que não conseguimos organizar para a páscoa por causa da pandemia. Mas sempre é um momento sem igual para todos nós", explicou.  

Ainda segundo Ferreira, o grupo começou pequeno, mas já conta com mais de 600 entregadores distribuídos em quatro grupos nas redes sociais. Todos, no entanto, criados com as mesmas finalidades: trocar informações sobre a profissão e arrecadar doações.  

"Nós vamos repassando nosso objetivo e buscando mais e mais doações individualmente. No final, conseguimos ajudar muita gente na Páscoa, Dia das Crianças, Natal e Ano Novo, e fazer o bem de alguma forma", finaliza Luiz Paulo Ferreira.


Mais do ACidade ON