Aguarde...

cotidiano

PRF prende acusado de comandar roubo da Prosegur em Ribeirão

Crime aconteceu em julho de 2016, nos Campos Elíseos, em Ribeirão Preto; acusado foi detido em Minas Gerais

| ACidadeON/Ribeirao

Assalto destruiu a sede da Prosegur em 5 de julho de 2016 (Foto: F.L. Piton/arquivo A Cidade)
 
A PRF (Polícia Rodoviária Federal) prendeu, na última sexta-feira (20), Diego Moura Capistrano, acusado de comandar o roubo de mais de R$ 51 milhões da transportadora de valores Prosegur, em Ribeirão Preto, no ano de 2016.  

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE RIBEIRÃO PRETO
 
Ele estava na lista dos bandidos mais procurados do País. Capistrano foi preso em abordagem da PRF na rodovia BR-381, na cidade de Igarapé-MG. A informação foi confirmada pelo delegado Eduardo Martinez, da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) de Ribeirão Preto.  

Segundo a PRF, Capistrano trafegava em um veículo em alta velocidade em um trecho de curvas acentuadas, quando foi parado. Durante a fiscalização no veículo, ele tentou fugir dos policiais atravessando a pista, mas foi alcançado e contido.  

No carro, os agentes encontraram um fuzil calibre 5,56 milímetros em um compartimento escondido, R$ 14.520,00 em dinheiro, munição de arma de calibre 9 milímetros e dois aparelhos de telefone celular.  

Ainda não há a informação se Diego Capistrano será transferido para o Estado de São Paulo.  

A reportagem não encontrou a defesa de Capistrano.   
 
Diego Moura Capistrano estava foragido deste 2016 (Foto: reprodução/Ministério da Justiça)

O assalto
 
O maior assalto da história de Ribeirão Preto, executado há quatro anos nos Campos Elíseos, ainda é lembrado pelos estrondos das explosões e troca de tiros entre bandidos e policiais.  

À época, três explosões contra a empresa foram necessárias para o grupo de assaltantes ter acesso ao cofre da transportadora de valores e roubar R$ 51 milhões. A ação durou aproximadamente 40 minutos e danificou 12 estabelecimentos comerciais e residenciais.  

Leia mais:
Ladrão que comandou roubo a Prosegur sacou auxílio do governo  

Mega-assalto nos Campos Elíseos ainda deixa marcas
 
Investigação da Prosegur ainda busca R$ 51 mi e dezenas de suspeitos


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON