Aguarde...

cotidiano

Taxa de transmissão da covid-19 sobe em Ribeirão Preto

Monitoramento feito por universidades aponta escalada da doença; RT está em 1,5 nesta terça

| ACidadeON/Ribeirao


Foto: Pixabay

A taxa de transmissão da covid-19 (RT) em Ribeirão Preto disparou neste mês de novembro, chegando a 1,5 nesta terça-feira (24).

Essa taxa de 1,5 significa que a cada 100 contaminados, o novo coronavírus é transmitido para outras 150 pessoas. O número indica uma possível segunda onda da doença na cidade.

A taxa RT de todas as cidades paulistas é monitorada pela USP, pela Unesp e pela Fapesp em tempo real na internet (clique aqui e acesse o site).

Segundo os especialistas, a RT aceitável é 1 e a taxa que indica controle é de 0,5. Pelo levantamento, Ribeirão Preto é atualmente a 9ª cidade paulista com a maior RT (veja o ranking logo abaixo). 

A última vez que a RT de Ribeirão Preto esteve abaixo de 1 foi em 16 de novembro. Em 7 de novembro essa mesma taxa estava em 0,59.

Já a projeção mostra números bem alarmantes. Segundo as universidades, no dia 1º de dezembro, se a atual situação for mantida, a RT de Ribeirão Preto vai estar em 2,05.


São Paulo e Brasil

Dados do Imperial College de Londres, no Reino Unido, apontam que a RT do Brasil nesta terça-feira (24) é de 1,3 (a cada 100 contaminados transmitem o vírus para outras 130 pessoas).

O mesmo monitoramento da USP, Unesp e Fapesp aponta que a RT do Estado de São Paulo está 1,64.


Especialista

Para Rodrigo Stabeli, pesquisador da Fiocruz, o momento da pandemia inspira muito cuidado. "Nós estamos passando por um período que a gente chama de vale epidemiológico", disse.

"Trata-se de um período onde é observado um aumento súbito de casos de internações em São Paulo, mas na média móvel de internações em Ribeirão Preto, mesmo tendo um aumento, ainda não é possível determinar se a ascensão vai continuar", explicou Stabeli.

"Todo cuidado deve ser redobrado pela população de Ribeirão Preto. Temos mais pessoas suscetíveis a pegar o vírus do que pessoas imunes", analisou o especialista.  

Até a manhã desta terça-feira (24), Ribeirão Preto tinha 110 pessoas internadas com a covid-19 (veja mais aqui). 
 
Taxas de RT das cidades paulistas



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON