Publicidade

cotidiano

Cidade em chamas: Após incêndios, Batatais sofre com a falta d'água

Município a 35 quilômetros de Ribeirão Preto ainda contabiliza os prejuízos do dia de caos; Prefeitura fala em efeitos devastadores

| ACidadeON/Ribeirao -




Nesta sexta-feira (10), dia seguinte ao momento mais caótico da história da cidade de Batatais, pelo menos 18 bairros estão sofrendo com a falta d'água. O problema afeta 30% da cidade. As aulas também foram suspensas.

A zona rural de Batatais foi castigada com inúmeros incêndios entre a tarde da quarta-feira (8) e a noite da quinta-feira (9). O fogo envolveu a cidade e céu foi tomado pela fumaça, em um cenário de filme de apocalipse (clique aqui e veja mais).

O fogo acabou atingindo a rede de distribuição de energia elétrica. A oscilação da energia danificou as bombas que fazem o abastecimento de água da cidade. A situação prejudicou o abastecimento de água. 
 

Cenário da quinta em Batatais (Imagem: Reprodução / Redes Sociais)

Segundo informações da Prefeitura de Batatais, os trabalhos para restabelecer a distribuição de água começaram ontem à noite e seguem nesta sexta-feira (10). "As ações da Administração estão todas voltadas para minimizar os efeitos devastadores provocados pelos incêndios dos últimos dois dias", informou a Prefeitura, através de nota.

De acordo com o Executivo de Batatais, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, juntamente com os Bombeiros Civis, realizam um levantamento dos focos de incêndio que ainda são registrados no município.

"O abastecimento de água ainda está comprometido. Além das bombas do Sistema Santa Cruz, que estão sem energia elétrica, devido aos problemas provocados pelo incêndio na rede da CPFL, em virtude da instabilidade da rede, a bomba do poço artesiano em frente ao Teatro Municipal queimou", informou a Prefeitura.

"As equipes da Secretaria de Obras e Serviços Públicos estão trabalhando para fazer os remanejamentos necessários para que as casas sejam abastecidas ao longo do dia e providenciando emergencialmente o guindaste e os equipamentos para troca da bomba danificada", finaliza a nota da Prefeitura.


Mais notícias


Publicidade