Publicidade

cotidiano

Ribeirão Preto: 62% da população é habilitada para dirigir

Dono de autoescola avalia que procura deve diminuir em razão da inflação e da alta dos combustíveis; O valor da CNH também vai subir

| ACidadeON/Ribeirao -

 

Avenida Nove de Julho - Foto: Reprodução/EPTV

De acordo com dados do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), Ribeirão Preto atingiu em 2021 a frota de 550 mil carros e motos e 62% da população - estimada em 711 mil habitantes, têm CNH (Carteira Nacional de Habilitação).Proporcionalmente, esse número é maior até que na capital paulista, onde cerca de 50% dos moradores são habilitados para dirigir.  

O arquiteto e urbanista Thiago Amim, explica que essa estatística diz muito sobre a mobilidade urbana, e o quanto ela é eficiente.  "Você tem uma dificuldade muito grande de implantar um transporte público de qualidade, que seja economicamente viável, porque temos que lembrar que tem custo né? Participação do usuário e subsídios do poder público, mas esse custo começa a ficar muito grande versus a receita que ele gera; ele vai se inviabilizando, aí você tem como consequência a precariedade", disse. 

Apesar dos desafios inerentes aos transporte público, a inflação e o aumento dos combustíveis, tendem diminuir a busca pela CNH, é o que avalia o advogado especialista em trânsito e dono de autoescola, Rodrigo Paschoaloto Geraldo. "O preço [para tirar a CNH] é o mesmo desde o começo do ano, mas houve aumento de taxas por parte do estado e aumento gigantesco da gasolina, então nos próximos 20 dias, vai ter aumento do valor das aulas e aumento do valor da habilitação", projeta Paschoaloto. (Com EPTV)

VEJA TAMBÉM - Lar Santana, em Ribeirão Preto, segue com futuro indefinido



Mais notícias


Publicidade