Publicidade

cotidiano

Veja como agir em um ataque de abelhas; Idoso morreu em Ribeirão

Segundo especialista, a melhor maneira é mergulhar ou jogar com balde de água com sabão na pessoa que estiver sofrendo o ataque

| ACidadeON/Ribeirao -

 
 

Abelhas atacaram idoso em Ribeirão (Imagem: Pixabay)
 
Um idoso de 70 anos morreu após ser atacado por abelhas no bairro Adelino Simioni, na zona Norte de Ribeirão Preto. Ele chegou a ser socorrido ao Hospital das Clínicas Unidade de Emergência, mas não resistiu. 
 
No vídeo do momento do ataque (assista logo após o texto), é possível ver vizinhos e pessoas que passam pela rua desesperadas tentando ajudar de várias formas. Mas ficou a dúvida de qual a melhor maneira de ajudar uma vítima atacada por abelhas.
 
Segundo especialistas, a primeira dica é nunca jogar cobertores ou lençóis sobre a vítima. Isso faz com que o inseto fique preso junto ao corpo da pessoa que está recebendo o ataque.  A primeira indicação é sempre entrar na água, mergulhando em uma piscina ou represa que possa estar por perto.

Como nem sempre isso é possível - a pessoa pode não saber nadar ou não encontrar piscinas nas proximidades do ataque - especialistas também indicam jogar água e sabão. O sabão faz peso nas asas da abelha e o inseto fica temporariamente sem voar. 
 
Outra informação importante é para retirar a vítima de perto da colmeia ou do enxame. Após o ataque, o correto é lavar os locais das picadas com água corrente e esperar o socorro chegar (com EPTV). 
 
 
O ataque 

 
Segundo os relatos de quem presenciou o ataque das abelhas, parte da colmeia que ficava na árvore caiu.  Os insetos ficaram agressivos e foram em direção do idoso de 70 anos.

 A vítima levou mais de mil picadas. Lúcio Mário Ramos Garcia sofreu o ataque no domingo (10) e morreu na madrugada desta quarta-feira (13).
 
 

Mais notícias


Publicidade