Publicidade

cotidiano

Empresa da região decide dar folga às quartas-feiras e mantêm salários

Modelo é adotado desde março deste ano por uma empresa de tecnologia da cidade de Franca; Diretor afirma que houve ganho na produtividade

| ACidadeON/Ribeirao -

Empresa de tecnologia de Franca - Foto: Reprodução/EPTV

Imagine receber da empresa a seguinte mensagem: A partir de agora, a jornada de trabalho passa a ser de quatro dias por semana com folgas às quartas-feiras e sem redução de salário. Isso aconteceu em uma empresa de tecnologia de Franca, a 90 quilômetros de Ribeirão Preto. 

Inspirada em companhias estrangeiras, a empresa francana adota o novo sistema desde março deste ano e seguirá em teste até novembro. A ideia é avaliar se a mudança surtirá efeitos positivos. Para a animadora 2D Larissa Hamuy a folga a mais na semana tem impacto positivo na produtividade.    

VEJA TAMBÉM - Padre que atropelou suspeito de furto foi ordenado em Ribeirão Preto

"Está sendo incrível. Não dá tempo de você cansar, de ser algo maçante, você tirar essa folga no meio da semana é indescritível, você pega, tira um tempo pra você. Eu estou me cuidando mais, estou descansando mais, e eu sinto que a equipe está rendendo mais", disse.  

O programador Gustavo da Silva Gomes aproveita o dia para curtir e também resolver outras pendências." Por enquanto estou fazendo aula de bateria, conseguindo organizar minhas contas, também estou passeando um pouquinho mais, saindo, tem sido bastante legal", conta.  

Fase de testes 

Embora seja uma fase de testes, o diretor da empresa Leandro Pires acredita que o sistema continuará depois de novembro. Em avaliação prévia já foi possível constatar que houve um ganho na produtividade mesmo com um dia a menos. Os clientes também aprovaram a iniciativa. 

"A gente não teve nenhum problema de preocupação por parte dos clientes, até porque tudo que a gente tem feito, todos os trabalhos, projetos, tem feito no prazo e então não tem problema nesse caso. (...) Pelas primeiras análises que a gente fez parece que melhorou bastante, e a gente não teve perda nas entregas e na produtividade, pelo contrário: a gente teve ganho na produtividade e as entregas continuaram do jeito que eram antes", conclui. (Com EPTV)
 

Funcionários reunidos em área de convivência da empresa - Foto: Reprodução/EPTV

Mais notícias


Publicidade