Aguarde...

cotidiano

Governo Doria: São Paulo terá quarentena mais rígida

Variante do coronavírus e aumento de internações pressionam o setor da Saúde; Nogueira descarta Lockdown em Ribeirão Preto

| ACidadeON/Ribeirao

 

Divisão de fases do Plano São Paulo

O Governo de São Paulo anuncia nesta quarta-feira (24) medidas mais rígidas para aumentar o isolamento social.

As medidas que serão adotadas, porém, ainda serão discutidas, nesta terça-feira (23), em reunião entre Centro de Contingência da Covid-19 e o governo paulista.

Segundo o ACidade ON apurou, regras mais rígidas no período noturno e finais de semana são defendidas por integrantes do Centro de Contingência.

Também está em pauta se esses critérios mais rígidos serão regionais, de acordo com a divisão do Plano São Paulo, ou generalizado para todo o Estado de São Paulo.

Segundo João Gabbardo, coordenador do Centro de Contingência da Covid-19, as medidas mais rígidas, complementares ao Plano São Paulo, devem entrar em vigor na sexta-feira (23).

A Saúde está pressionada por recorde de internações em UTIs e pela circulação da variante do novo coronavírus (P1), já detectada em Jaú, Araraquara, Ribeirão Preto, Serrana e na capital paulista.


Em Ribeirão Preto

Durante a coletiva que confirmou a presença da variante de Manaus em Ribeirão Preto, nesta segunda-feira (22), o prefeito Duarte Nogueira (PSDB) disse que, de acordo com os números atuais da pandemia da cidade, ainda não é o caso de um lockdown.

Segundo o prefeito, porém, é preciso que a população respeite as regras vigentes da fase laranja do Plano São Paulo para que o contágio se mantenha controlado. 
 
 
MAIS: Clique aqui e veja todas as informações da pandemia na região



Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON