Aguarde...

cotidiano

Profissionais autônomos da Saúde cobram segunda dose da vacina

No início de fevereiro, 4.200 profissionais foram imunizados com a primeira dose em Ribeirão Preto; Aplicação da segunda dose deveria começar nesta quarta

| ACidadeON/Ribeirao

Profissionais autônomos da Saúde foram vacinados no início de fevereiro (Foto: Weber Sian / ACidade ON)

Com poucas vacinas contra a covid-19 disponíveis, a Prefeitura de Ribeirão Preto ainda aguarda receber mais doses para a segunda imunização dos profissionais autônomos da Saúde.

Nesta terça-feira (23), vários profissionais da Saúde, que receberam a primeira dose entre 3 e 5 de fevereiro, procuraram o ACidade ON pedindo a informações sobre a segunda dose. Foram 4.200 trabalhadores autônomos da saúde vacinados.

Segundo a recomendação da fabricante da CoronaVac, aplicada na maioria dos vacinados em Ribeirão Preto, a segunda dose deve acontecer 21 dias depois da primeira. Ou seja, quem vacinou no dia 3 de fevereiro, deveria receber a segunda dose nesta quarta-feira (24).

Questionada sobre a situação, a Secretaria Municipal da Saúde informou que aguarda receber mais doses para dar sequência à campanha de imunização.  

A reportagem também questionou se há algum tipo de prejuízo sem a aplicação da segunda dose.  "A recomendação da segunda dose da CoronaVac é entre a terceira semana e a quarta semana, ou seja entre 21 e 28 dias após a primeira dose. Não precisa ser exatamente com 21 dias após a primeira dose", informou a Secretaria Municipal da Saúde, por meio de nota.


Coletiva

Na segunda-feira (22), em coletiva, o secretário municipal da Saúde, Sandro Scarpelini, informou que a prefeitura tinha 12.011 vacinas da CoronoVac reservadas para a segunda dose. Ele não informou, porém, se os profissionais autônomos da Saúde estariam inclusos nesse lote.

Segundo dados desta terça-feira (23) do portal Vacinômetro, Ribeirão Preto já recebeu 52.676 vacinas. Utilizou 31.372 para aplicações em primeira dose e 9.685 em segundas doses. 
 
 
Diferente 
 
Estão inclusas nessas 52.676 vacinas recebidas por Ribeirão Preto cerca de 9.500 doses do imunizante da Astra Zeneca / Oxford. Essa vacina também é em duas doses, no entanto, o intervalo entre as aplicações é bem maior: 3 meses. Ou seja, quem foi vacinado a primeira vez em fevereiro, recebe mais uma dose em maio.


Mais notícias



Mais notícias do ACidade ON