Aguarde...

ACidadeON Ribeirão Preto

Ribeirão Preto
mín. 20ºC máx. 36ºC

cotidiano

Pessoas que trabalham ao lado do aeroporto denunciam rotina de crimes

Funcionários se queixam de assaltos frequentes, sempre durante à noite; Leite Lopes fica na zona Norte de Ribeirão

| ACidadeON/Ribeirao

 
Funcionários de operadoras de alugueis de carros, localizadas no Aeroporto Leite Lopes, na zona Norte de Ribeirão Preto, estão com medo, pois estão sendo alvo de criminosos.

Em entrevista ao ACidade ON, a vítimas contaram, nesta segunda-feira (19), que os assaltos acontecem sempre à noite, depois das 21h. Com medo, os funcionários não quiseram se identificar.

Os criminosos aproveitam o horário de saída dos funcionários, que precisam enfrentar as armadilhas dos assaltantes para sair do aeroporto, e armados, ficam atrás de uma placa de orientação para turistas, ou em cima de uma das árvores da avenida Thomas Alberto Whatelly.

Os funcionários reivindicam a retirada da placa, e das três árvores, que são utilizadas como esconderijo. Além disso, eles também querem mais policiamento no local.

"Enfrentamos diariamente o medo, e queremos chegar e sair com tranquilidade. Os assaltantes chegam a pulam de cima das árvores. A gente precisa de policiamento ostensivo", afirmou um dos funcionários.

Comboio

Os funcionários encontraram uma alternativa a onda de roubos e assaltos: sair em comboio. Mas a rotina e escala de trabalho nem sempre é favorável.

"Cada um tem um horário", disse. "É muito triste, porque chegamos tarde em casa, e temos que esperar um carro sair pra gente ir junto", afirmou outro funcionário.

Vários casos

Uma das funcionárias, de 43 anos, relatou ao ACidade ON que sofreu uma tentativa de assalto na quarta-feira (14), após finalizar o expediente, às 22h20.

"Chegando perto da avenida, dois rapazes pularam de cima da árvore. Eles estavam armados, e apontaram na minha direção", disse a mulher. "Na hora em que eu vi que eles pularam, fui de marcha à ré até a base da Polícia Militar (localizada no interior do aeroporto)", disse.

No sábado (17), mais um funcionário, que estava em uma motocicleta, também foi alvo. Por volta das 23h55, os criminosos pularam da árvore, mas o rapaz foi mais rápido, e conseguiu retornar ao aeroporto.

Outra funcionária, junto com o marido e dois filhos, teve o carro Ford escort, e outros pertences, levados por dois criminosos. A família foi surpreendida no dia 26 de outubro, dois dias antes das eleições.

Outro lado

Em nota, a Prefeitura de Ribeirão Preto disse que estuda retirar a placa usada como esconderijo.

"A Secretaria de Turismo tem uma ação em andamento para reavaliar a situação dos totens fixos (mapas). No caso do totem localizado próximo ao Leite Lopes, será analisado, e em 15 dias, caso conclua quanto à necessidade de remanejamento, irá realizar no menor prazo possível", informou o Executivo.

Já a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) fala em ações integradas entre as polícias Civil e Militar que reduziram os roubos de veículos em 2,1% na região do aeroporto.

"Além disso, 177 pessoas foram presas e apreendidas, 214 veículos recuperados e quatro armas de fogo ilegais retiradas das ruas do bairro", informou a SSP. Os números são da região do aeroporto.

"A PM, por meio de policiais do 3º BPM/I, reforçou o policiamento na região, já realizado por meio dos programas de Força Tática, Canil, Cavalaria, ROCAM, Rádio Patrulhamento e Ronda Escolar", finalizou a SSP. (Germano Neto com supervisão de Marcelo Fontes)

 

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook

Veja também